Carteira

PSD quer rendimento mínimo garantido dos pensionistas nos 820 euros até 2028

Notícias de Coimbra | 5 meses atrás em 25-11-2023

O presidente do PSD, Luís Montenegro, afirmou hoje que quer aumentar para 820 euros o rendimento mínimo garantido dos pensionistas até 2028, assegurando que o seu partido não vai cortar “um cêntimo a nenhuma pensão”.

PUBLICIDADE

“Vamos aumentar, de acordo com a lei, as pensões de uma forma geral, mas vamos também, de forma gradual e até ao final da legislatura, colocar a referência do complemento solidário para idosos nos 820 euros. Isto traduz-se no seguinte: até 2028, o rendimento mínimo garantido dos pensionistas portugueses será de 820 euros”, defendeu.

Luís Montenegro falava no encerramento do 41.º Congresso do PSD, que decorre hoje em Almada (distrito de Setúbal), numa intervenção na qual sublinhou que os sociais-democratas querem aumentar “as pensões mais baixas” e deixou uma garantia.

PUBLICIDADE

publicidade

“O nosso objetivo é claro: não vamos cortar um cêntimo a nenhuma pensão”, assegurou.

Montenegro garantiu que “este objetivo é realizável” e “não coloca em causa o equilíbrio das contas públicas”.

PUBLICIDADE

“E para futuro, eu vejo como intercalar, para que numa legislatura seguinte, o rendimento mínimo garantido de um pensionista possa ser equivalente ao salário mínimo nacional atualizado. É um objetivo para cumprir em duas legislaturas”, disse.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE