Conecte-se connosco

Partidos

PS acusa Rui Rio de estar a aproximar-se da extrema-direita

Publicado

em

O secretário-geral adjunto do PS, José Luís Carneiro, acusou hoje o PSD de estar a aproximar-se da extrema-direita, escusando-se a esclarecer se os socialistas podem vir a viabilizar um Governo minoritário social-democrata.

“O PS é o grande partido do centro político e do centro-esquerda em Portugal. O único partido que sempre deu provas de se entender mesmo com a extrema-direita foi precisamente a liderança do PSD quando aceitou o acordo com o Chega nos Açores e quando chegou a este congresso e disse que era um partido contra o sistema”, declarou José Luís Carneiro após assistir à sessão de encerramento do 39.º Congresso do PSD, no Europarque em Santa Maria da Feira (Aveiro).

Para o número dois do PS, o PSD de Rio “está a aproximar-se da extrema-direita e não do posicionamento político ao centro como o país precisa”.

José Luís Carneiro considerou que “há uma agenda que apenas aparece nas entrelinhas e que tem de ser clarificada pelo PSD”.

“A garantia que damos aos portugueses é que o PS sempre colocou o interesse do país acima dos interesses partidários. É preciso lembrar que quem colocou os interesses partidários acima dos interesses do país foram aqueles que chumbaram o Orçamento do Estado”, sustentou.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com