Tribunais

Prisão preventiva para sete de 18 detidos por alegado tráfico de droga

Notícias de Coimbra com Lusa | 3 meses atrás em 26-04-2024

Imagem: PJ

Sete dos 18 detidos numa operação de combate ao tráfico de droga realizada pela Polícia Judiciária (PJ) no distrito de Castelo Branco ficaram em prisão preventiva.

PUBLICIDADE

A informação foi revelada esta sexta-feira pelo Ministério Público (MP) de Castelo Branco, numa nota publicada na página oficial desta entidade na internet.

A PJ deteve 18 pessoas no dia 16, por alegado tráfico de droga nos concelhos da Covilhã, Fundão, Castelo Branco e Idanha-a-Nova, distrito de Castelo Branco.

PUBLICIDADE

Os 18 detidos foram apresentados, no dia seguinte, a primeiro interrogatório judicial, na sequência do qual foi decretada a sete dos arguidos a medida de coação de prisão preventiva, 10 a obrigação de apresentação periódica e proibição de contactos, e um com obrigação de sujeição a tratamento da toxicodependência.

Na operação “Entre Serras” foram detidos 14 homens e quatro mulheres no cumprimento de mandados de detenção emitidos pela autoridade judiciária, no âmbito de um inquérito pendente na PJ ao longo de dois anos.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

Além das detenções foram realizadas 34 buscas, 20 das quais domiciliárias, tendo sido apreendidos cerca de seis mil euros em numerário, balanças digitais, uma viatura e diversos equipamentos de telecomunicações e informático.

A investigação prossegue sob direção do Ministério Público de Castelo Branco, com a coadjuvação da PJ – Departamento de Investigação Criminal (DIC) da Guarda.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE