Assinaturas NDC

Apoie a nossa missão. Assine o Notícias de Coimbra

Mais tarde

Bares

Políticos não querem saber da vida nocturna. Cidadãos Por Coimbra são excepção

Notícias de Coimbra | 8 anos atrás em 20-11-2015

Nenhuma das 18 Freguesias de Coimbra se pronunciou durante o período de discussão pública do futuro Regulamento Municipal de Horários de Estabelecimentos Comerciais.

PUBLICIDADE

copo partido 1

PUBLICIDADE

O movimento Cidadãos Por Coimbra foi a única força política representada na Câmara e na Assembleia Municipal a dar a sua opinião, o que fez depois de ter promovido 3 debates sobre o tema, pois entendem que merecemos uma noite com mais qualidade.

PUBLICIDADE

ACIC, Associaçao da Baixa de Coimbra, Agência de Desenvolvimento Local, CGTP, UGT, Turismo de Portugal e GNR também não quiseram perder tempo com tão importante temática.

Para além de duas dezenas de  empresários ligados ao sector, só PSP, DECO, Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal  (AHRESP) e 3 particulares manifestaram os seus pontos de vista.

PUBLICIDADE

A munícipe Ana Matos defende que o regulamento se deve aplicar de forma igual  a todos os intervenientes. Luís Santos, residente na Sá da Bandeira entende que é um absurdo autorizarem espaços nocturnos. Mas já que existem, quer que funcionem no máximo até à uma ou duas horas e meia da manhã.

Em relação às dezenas de alterações sugeridas pela AHRESP  e pelo CPC, foram consideradas a referentes aos horários de esplanadas,  ao valor das coimas, as relativas aos ruídos e a parte que obrigava os espaços a terem portas e janelas fechadas mesmo durante o dia.

Leia mais sobre este assunto aqui,  aqui e aqui

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com