Conecte-se connosco

Carteira

Os 10 alimentos que mais aumentaram o preço na última semana

Publicado

em

Entre 8 e 15 de março de 2023, destacam-se 10 alimentos com maiores aumentos de preço. Bacalhau, o café torrado moído e as massas espirais foram os produtos que mais caros ficaram, segundo uma monitorização da DECO Proteste.

O bacalhau custa agora 14,19€/kg com um aumento de 15%, segue-se o café moído (+14%) a rondar os 3,42€ e o terceiro, as massas espirituais com um aumento no preço de 12%, ou seja, a 1,49€.

Seguem-se a perna de peru (5,01€/kg – aumento de 10%), pão de forma sem côdea (2,26€ – aumento de 8%), óleo alimentar (3,21€ – aumento de 8%), pescada fresca (8,93€/kg – aumento de 8%), cebola (1,87€/kg – aumento de 7%), azeite virgem (7,37€ – aumento de 7%) e fiambre da perna extra (2,64€ – aumento de 6%). 

Na última semana o cabaz de bens alimentare essenciais, monitorizado pela DECO Proteste, voltou a subir e custa agora 235 euros

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com