Conecte-se connosco

Câmaras

Francisco Queirós visitou Cabouco

Publicado

em

Uma delegação do PCP, com o Vereador da CDU Francisco Queirós, visitou Cabouco onde contactou com a população na sequência da cheia ocorrida no domingo 1 de Fevereiro de 2015 e constatou os estragos e prejuízos nas culturas e habitações.

unnamed (3)

Os populares deste lugar da Freguesia de Ceira, habituados a situações de cheias, queixaram-se da falta de aviso que os impediu tomar as medidas necessárias para salvaguardar os seus bens e deram nota das suspeitas de fuga de água na barragem do Alto Ceira, nomeadamente numa ruptura da conduta entre as barragens do Alto Ceira e de Santa Luzia, que terá também sido a causa do corte de uma estrada municipal, entre as povoações de Camba e Porto da Valsa, na Pampilhosa da Serra, também no distrito de Coimbra.

Alguns habitantes chamaram a atenção para o facto da barragem do Alto Ceira ter sido substituída devido a problemas de deterioração do betão, colocando em dúvida se terá sido substituída a conduta que faz o transvase entre esta barragem e a de Santa Luzia, no rio Unhais, infraestrutura onde, segundo o PCP, é visível a deterioração desta antiga infraestrutura.

O PCP afirma que no temporal dos dias 18 e 19 de Janeiro de 2013 ficou patente a fraca capacidade de resposta da EDP a situações excepcionais.

Na altura o PCP alertou que estas dificuldades não podem ser desligadas do processo de privatização da EDP. Este processo, orientado para a obtenção do máximo lucro, tende a aumentar encargos para os utentes, a cortar nos meios técnicos, humanos e materiais, a cortar na manutenção e investimento, a desestruturar as equipas técnicas e a entregar muitas das competências a empresas sub-contratadas com pouca capacidade de resposta e sem meios técnicos suficientes para responder a situações excepcionais.

O PCP vai acompanhar esta matéria nos órgãos onde tem representação e vai questionar o governo através do seu Grupo Parlamentar na Assembleia da República nomeadamente sobre se a conduta entre as barragens do Alto Ceira e de Santa Luzia foi substituída na recente substituição do paredão da barragem do Alto Ceira. Se tem conhecimento se esta conduta foi afectada pelo mesmo processo de deterioração do betão. Sobre se existem mecanismos de monitorização da barragem e destas condutas, que medidas pretende o governo tomar para apurar responsabilidades e  para melhorar o sistema de alerta das populações de locais com risco de cheias.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com