Conecte-se connosco

Coimbra

CHUC vai começar a cobrar estacionamento depois das “obras de requalificação dos parques à superfície” (com vídeo)

Publicado

em

No dia em que se oficializou a parceria institucional entre o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra e a nova Ecovia, o problema sistémico do estacionamento na área das unidades hospitalares também foi tema de conversa com o presidente do CHUC que avançou ao NDC que “o que está previsto é a requalificação de todo o estacionamento à superfície do polo HUC e de Celas, o que permitirá aumentar significativamente o número de lugares de estacionamento”.

Com estas palavras ficou claro que o projeto de construção de um auto-silo, uma alternativa que vinha a ser discutida nos últimos anos como uma possível alternativa para resolver os  “históricos” problemas de estacionamento no CHUC, continua posta de parte pela administração da unidade hospitalar, como o Notícias de Coimbra já tinha anunciado em Setembro do ano passado.

Carlos Santos, presidente do Conselho de Administração do CHUC, defendeu que a construção de parques de estacionamento teria o efeito oposto ao pretendido, contribuindo para atrair mais pessoas com viatura própria para a zona já extremamente saturada da cidade.

“O objetivo não é incentivar as pessoas a trazer mais viaturas para a cidade e muito menos para esta zona. É um problema complexo que abarca múltiplas variáveis e por isso também soluções. A Ecovia é uma ferramenta, o Metrobus será outra, o sistema da bilhética integrada é outra ferramenta e é exatamente desta interação das várias soluções que conseguiremos ter uma melhor mobilidade, mais efetiva, mais eficiente e mais sustentável”, frisou o líder do CHUC.

 

Quanto à intenção de começar a cobrar pelo estacionamento nos diferentes parques que constituem o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra, que também já tinha comunicado, o presidente do CHUC esclareceu que faltam as tais obras de requalificação dos mesmos e o lançamento do concurso público.

“O estacionamento começará a ser pago depois dessa intervenção que está programada. O concurso vai ser lançado em breve, não posso dizer ainda se em Junho ou Julho, mas será para muito breve e só em função desse concurso público para a requalificação de todo o estacionamento superfície é que será depois possível estabelecer um conjunto de tarifários diferenciados, em função do tempo, em função da hora, em função das várias opções e formatos de estacionamento”, concluiu Carlos Santos.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com