Conecte-se connosco

Tribunais

Adiado julgamento da acusada de matar marido à facada na Murtosa

Publicado

em

O Tribunal de Aveiro adiou hoje para 20 de maio o julgamento de uma mulher acusada de ter matado o marido com 16 golpes de faca na Murtosa, em maio de 2021.

O início do julgamento estava marcado para hoje, mas, segundo fonte judicial, a diligência foi adiada por motivo de saúde de uma das magistradas que integra o coletivo de juízes.

A arguida, que se encontra sujeita à medida de coação de internamento preventivo, está acusada de um crime de homicídio qualificado.

O crime ocorreu na madrugada do dia 21 de maio de 2021, por volta das 00:30, no interior da residência do casal, na Murtosa, distrito de Aveiro, na sequência de uma discussão entre os dois.

De acordo com a acusação do Ministério Público, a arguida desferiu 16 golpes de faca no pescoço, tórax, abdómen e braço esquerdo do marido e em seguida cravou a lâmina de um machado na cabeça da vítima.

“Na sequência de tais golpes, a vítima tombou sobre o sofá da sala, onde faleceu”, refere a acusação.

Logo após o crime, a arguida abandonou a residência e refugiou-se na residência da sua progenitora.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade