Conecte-se connosco

Hóteis

ZERO Box Lodge Coimbra “não oferece quartos, mas sim experiências”. Que tal dormir num quarto-caixa? (com vídeos)

Publicado

em

O hotel ZERO Box Lodge instalou-se no número 45 da Av. Emídio Navarro em Coimbra e quer que todos os hóspedes fiquem rendidos à experiência inovadora que oferece: desde o momento do check-in até ao momento em que o hóspede se deita nos quartos em “cápsula”, sem janelas, com o objetivo final de garantir uma noite de sono revigorante sem nada supérfluo a atrapalhar.
 
Com vista privilegiada sobre o Mondego, este formato de alojamento disruptor, deu uma nova vida à emblemática Garagem de Santa Cruz. Uma nova vida, pois o ZERO Coimbra mantém não só a fachada como alguns dos elementos da antiga estrutura funcional da cidade, nomeadamente os corredores que ligam os quartos.
 
A diretora de projetos, Joana Gomes, refere que é um projeto “inovador em Portugal” e que “tem como inspiração as cápsulas japonesas, que no Japão são umas gavetas apenas para dormir, nós aqui adaptámos um bocado para o contexto europeu e português. As caixas cresceram, e nelas as pessoas podem dormir, podem ficar de pé e têm casas de banho incorporadas”. O objetivo é simples, explica Joana Gomes e passa por “proporcionar uma boa noite de sono e retirar tudo o que é supérfluo”.
 
 
 
O “quarto-caixa” do ZERO Coimbra conta ainda com umas raquetes de badminton que o hotel oferece aos hóspedes para que os mesmos possam socializar e usufruir livremente dos espaços verdes da cidade.
 
“BIXOS” é o nome do restaurante e bar do hotel que também não fugiu ao conceito inovador e tinha que ser chamado assim já que tem como grande inspiração os contos de Miguel Torga, a gíria estudantil da cidade e ainda o elefante vermelho em tamanho real que o artista Leonel Moura criou para o espaço.
 
“No restaurante procurámos apropriar-nos um pouco da história da cidade, do parque e do rio que temos aqui em frente e portanto tentámos trazer um pouco desta natureza para dentro do nosso espaço. Abrimos estas grandes varandas, para a luz entrar no espaço e depois há pequenos detalhes, desde os sofás, as alcatifas, o nosso grande elefante vermelho, no fundo são vários elementos que vão buscar esta memória dos Bixos e da natureza”.
 
 
 
A gestora de projetos, Joana Gomes, acrescentou que a ideia foi criar um espaço versátil que possa receber e ser atrativo para todo o tipo de clientes. De quarta-feira a sábado, um dj vai animar as tardes e noites do “BIXOS” que futuramente irá contar com concertos ao vivo e outra programação cultural, avançou a diretora da unidade de alojamento Natália Silva. Da ementa destaca-se uma pizza low carb que é uma “pinsa”, e um gin tónico que afinal é um “bixo tónico”. 
 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com