Conecte-se connosco

Volta a ser possível circular na Nacional 347

Publicado

em

A Estrada Nacional 347, que se encontrava cortada ao trânsito em dois troços, nas localidades de Relvas, concelho de Penela, e Póvoa, em Figueiró dos Vinhos, foi hoje reaberta à circulação, avançou fonte da GNR à agência Lusa.

Devido à ocorrência de incêndios, a Estrada Nacional 347, esteve cortada ao trânsito na localidade de Póvoa, em Figueiró dos Vinhos (distrito de Leiria), desde as 05:45 de segunda-feira, e também na localidade de Relvas, no concelho de Penela, (distrito de Coimbra) desde as 17:30 do mesmo dia.

Contactada pela Lusa, a GNR informou às 00:05 de hoje, que a Estrada Nacional 347 “reabriu toda ao trânsito pelas 22:50”.

De acordo com aquela força de segurança, à mesma hora a circulação continuava interdita na Estrada Nacional 2, em dois troços, um no concelho de Góis (Coimbra) e outro no concelho de Pedrógão Grande (Leiria), devido ao incêndio que deflagrou no sábado naquela localidade, e que já provocou 64 mortos e mais de 150 feridos, segundo o balanço mais recente.

Devido ao fogo em Pedrógão Grande, a Estrada Nacional 236 continua também cortada ao trânsito, no concelho de Castanheira de Pera (distrito de Leiria), e a alternativa é o Itinerário Complementar 3 (IC3), informou a GNR.

O incêndio começou na localidade de Escalos Fundeiros, no concelho de Pedrógão Grande, e alastrou depois a Figueiró dos Vinhos e Castanheira de Pera.

Desde então, as chamas chegaram aos distritos de Castelo Branco, através do concelho da Sertã e de Coimbra, pela Pampilhosa da Serra.

Devido à ocorrência de incêndios no distrito de Coimbra, permanecem cortadas ao trânsito a Estrada Municipal 543, na localidade de Capelo, em Góis, e a Estrada Nacional 112, na localidade de Carvalhal do Sapo, no concelho da Pampilhosa da Serra, de acordo com informação da GNR.

De acordo com informação disponível no ‘site’ da Autoridade Nacional de Proteção Civil, o incêndio que lavrava em Penela, e que teve origem em Pardieiros Fundeiros (freguesia de Espinhal) pelas 21:15 de sábado, encontrava-se hoje pelas 00:05 em fase de resolução, mobilizando 168 operacionais, apoiados por 58 viaturas.

Já o incêndio em Figueiró dos Vinhos, no distrito de Leiria, estava em fase de conclusão e mobilizava 11 operacionais e duas viaturas, indica a mesma página.

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade