Conecte-se connosco

Académica

Vizela ganha e foge à Académica

Publicado

em

O Vizela venceu hoje na visita ao Varzim, por 3-0, num jogo da 30.ª jornada da II Liga de futebol em que os minhotos alicerçaram o triunfo num ‘bis’ de Cassiano, que mantém a equipa nos lugares de subida.

Já depois de Raphael Guzzo ter inaugurado o marcador, logo aos três minutos, o avançado brasileiro dos vizelenses ampliou a vantagem, ainda na primeira, parte, marcando aos 22 e 34, e vincando o ascendente da equipa.

Com este triunfo, o Vizela, que somou o 22.º jogo consecutivo sem derrotas no campeonato, segurou o segundo lugar na prova, agora com 58 pontos, mantendo-se em posição de subida de divisão, com uma vantagem de três pontos para o perseguidor Académica.

Já o Varzim, que somou a terceira derrota consecutiva, complicou, ainda mais, a sua missão no fundo da tabela, mantendo-se, à condição, no 16.º posto, com 27 pontos, fora dos lugares de descida, mas ao alcance de Oliveirense e FC Porto B, ambos em zona de despromoção, mas que só jogam no domingo.

A situação dos poveiros ficou cedo complicada com a forte entrada dos forasteiros no desafio, inaugurando o marcador logo aos três minutos, e com nota artística, num remate de fora da área e bem colocado de Raphael Guzzo.

Com a madrugadora desvantagem, o Varzim, que ainda tentou responder num livre de Tiago Cerveira, foi obrigado a correr riscos, adiantando o bloco, mas ficando mais exposto aos contragolpes do adversário.

Os vizelenses faziam essas transições na perfeição, e, aproveitando alguma displicência da defesa local, chegaram, sem surpresa, ao 2-0, num desvio de Cassiano após cruzamento de Kiki, aos 22 minutos.

O segundo tento sofrido inquietou, ainda mais, os poveiros que, além de mostrarem pouca capacidade ofensiva, continuaram a abrir brechas fatais no último reduto, sofrendo o 3-0 num lance idêntico ao anterior, desta vez num cruzamento de Tavinho para Cassiano assinar o ‘bis’.

No segundo tempo, o Vizela, com o confortável pecúlio, deu a iniciativa ao Varzim, que até conseguiu maior presença na área contrária, com um par de iniciativas de Fatai, que não tiveram correspondência na altura da finalização.

Os poveiros mostravam-se desarticulados nas movimentações ofensivas, e foram, quase sempre, presas fáceis para um adversário que controlou sem dificuldades o 3-0 final.

  Pts J V E D GolosM/S GolosM – S Desempenho
 
 
 
 
 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com