Conecte-se connosco

Lazer

Vinália aposta na qualidade dos vinhos de Penela com incentivo à certificação

Publicado

em

Uma visita a adegas certificadas, um passeio pelas vinhas, degustação e concurso de vinhos são algumas das propostas da 12ª Vinália, que decorre de sábado a domingo em duas localidades do concelho de Penela.

O programa começa no sábado, às 16:00, na sede da Associação dos Vitivinicultores da Região de Sicó (Vinisicó), em Alfafar, com animação musical e prova de vinhos certificados, seguida de um jantar vínico, às 20:30.

“Há um caminho grandioso que fizemos com os nossos vinhos, nos últimos anos, dando passos muito lentos, mas sustentados”, disse à agência Lusa o presidente da direção da Vinisicó, Gonçalo Moura da Costa.

No domingo, às 10:00, realiza-se em Podentes a 12ª edição das Jornadas da Vitivinicultura, em torno do tema “Sustentabilidade na vinha”.

Em Podentes, o programa da Vinália 2022 “será mais formativo”, para responder, designadamente, à necessidade de “assegurar a sustentabilidade ambiental e económica” do setor, na sub-região demarcada de Sicó, dando mais atenção à “cadeia dos fitossanitários”, segundo o enólogo.

Hoje, decorreu o V Concurso de Vinhos do Produtor, cujos prémios são entregues no domingo, às 12:30, no Centro da Vinha e do Vinho de Podentes.

“Este concurso é uma forma de apoiarmos os produtores não certificados”, afirmou Gonçalo Moura da Costa.

Incentivando a sua certificação, “uma realidade que é importante” no panorama da vitivinicultura portuguesa, “podemos também crescer em termos quantitativos”, salientou.

Fundada em 1992, a Vinisicó reúne atualmente cerca de 300 associados de toda a sub-região vitivinícola.

“Temos procurado diversificar mais a produção”, disse o presidente da associação, realçando que “mais de 80% dos produtores certificados” das Terras de Sicó “têm uma atividade paralela”, que geralmente é a sua ocupação principal.

No segundo dia da Vinália, às 09:00, na freguesia de Podentes, realiza-se o Passeio Pedestre Rota das Vinhas, devendo começar meia hora depois o Mercado da Agricultura Familiar e Tradicional, com vinho e azeite de Sicó, queijo do Rabaçal, mel da Serra da Lousã, nozes e artesanato.

Após uma pausa para “bucha e degustação de vinhos”, prevista para as 13:00, no recinto da antiga Escola Primária, decorre a visita às adegas certificadas, sob o lema “Visitar o presente para preparar o futuro”.

Iniciativa conjunta da Junta de Freguesia de Podentes, Câmara Municipal de Penela e Vinisicó, a Vinália envolve ainda a Associação Cultural e Recreativa de Podentes e a Associação Caminheiros de Penela.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link