Conecte-se connosco

Região

Vereador José Rodrigues é o candidato dos Independentes por Góis

Publicado

em

O vereador José Rodrigues é o candidato dos Independentes por Góis à Câmara local, em cujo executivo este grupo de cidadãos detém dois dos cinco mandatos.

“Góis precisa de melhores interlocutores políticos, novas ideias, inovação governativa, mais proximidade onde os goienses se sintam mais integrados”, disse hoje à agência Lusa o candidato, de 63 anos, técnico superior da Direção-Geral do Tesouro e Finanças.

Para José Alberto Domingos Rodrigues, importa que os munícipes “se sintam parte do projeto, para que os seus problemas e anseios possam ser melhor solucionados, proporcionando-lhes uma melhor qualidade de vida”.

“Esta candidatura tem por objetivo devolver a esperança num futuro mais promissor, com mais desenvolvimento e crescimento, que nos leve para um novo rumo, de novas prioridades e oportunidades, que aproxime os eleitos dos eleitores”, declarou.

Defendendo que os cidadãos e o seu bem-estar devem “estar no centro das decisões políticas”, o grupo Independentes por Góis pretende “lutar por uma melhoria efetiva das acessibilidades” deste município do interior do distrito de Coimbra.

“Só assim conseguiremos estancar a perda de população, dinamizar a atividade económica local e ter uma aposta efetiva na capacidade turística”, sublinhou José Rodrigues.

Na sua opinião, é também necessário “melhorar as condições de apoio à saúde da população e promover uma melhor articulação entre a saúde e o apoio social, para a população dispersa pelo concelho”.

“É ainda prioritário melhorar a eficácia dos serviços do município no apoio à captação de investimento, bem como no apoio à fixação de empresas”, preconizou o ex-militante do PS, que na década passada chegou a exercer o cargo de vice-presidente da Câmara, com a socialista Maria de Lurdes Castanheira na presidência.

Na ótica da candidatura independente, o município de Góis “deve afirmar-se com mais rigor e competência no panorama regional e nacional”.

“Somos a alternativa à atual situação e temos gente competente, séria e tecnicamente preparada para os desafios que se avizinham”, disse José Rodrigues, segundo o qual “é possível mudar”, uma “tarefa árdua e difícil” que exige “a união de todos”.

No dia 30 de abril, o vice-presidente da Câmara de Góis, Mário Garcia, renunciou ao cargo por razões de saúde, duas semanas após ter desistido de ser o candidato do PS nas próximas autárquicas.

Composto por cinco lugares, o executivo liderado por Lurdes Castanheira, que está a terminar o terceiro mandato, inclui dois eleitos do PS, dois do grupo de cidadãos Independentes por Góis e um do PSD, Rui Sampaio, este já anunciado como candidato social-democrata às autárquicas deste ano.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com