Conecte-se connosco

Lazer

Vencedores dos Prémios Play são conhecidos amanhã mas os 5ª Punkada já ganharam (com vídeos)

Publicado

em

Os 5ª Punkada, a banda pop/rock da Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra (APCC) estão nomeados para os Play – Prémios da Música Portuguesa na categoria de melhor videoclipe com “Blues da Quinta”. Os vencedores são conhecidos esta quinta-feira e o Notícias de Coimbra foi hoje assistir a um ensaio do grupo. 

“Estão nervosos para saber os resultados dos Prémios Play amanhã?”, perguntámos. “Não, até porque nós já ganhámos”. É Fátima Pinho, a teclista da banda quem responde de um sopro. “Ganhámos por mostrar o que fazemos que é música pop/rock”, explica. Mas fazem muito mais do que isso.

“O que se faz aqui é música e o que se retira daqui é o benefício de fazer música. A música não julga, não aponta o dedo, é só benefícios”, diz Paulo Jacob, coordenador artístico dos 5ª Punkada e musicoterapeuta. 

“Blues da Quinta” é o primeiro single dos 5ª Punkada e o videoclipe nomeado para os Play inclui imagens das gravações do disco de estreia “Somos Punks ou Não?”, que decorreram em setembro do ano passado, na Sala da Música da Quinta da Conraria, em Coimbra.

A banda tem 28 anos e é composta por Fátima Pinho, nas teclas, Fausto Sousa, na voz, Miguel Duarte, baterista, e Jorge Maleiro, na guitarra elétrica, utentes da APCC. Conta ainda com Paulo Jacob que além de coordenador do projeto é a “5ª pancada” do grupo.

“Mas eu é que sou o pai”, faz questão de salvaguardar o vocalista Fausto Sousa, que integra a banda desde a sua fundação. “Primeiro fazia playback, mas agora não. Graças ao professor Francisco (terapeuta da APCC) que acreditou em mim comecei a cantar com a minha voz”. Assim foi até aos dias de hoje e não há nada mais punk do que isso, garantem-nos. Fã de Bon Jovi, a paralisia cerebral obriga-o a um esforço para comunicar, mas quando a música começa tudo flui

O primeiro disco, que contou com o apoio do Instituto Nacional para a Reabilitação, foi gravado no final do ano passado, entretanto a banda começou uma tournée por várias cidades do país e já tem presença assegurada em pelo menos três festivais no próximo verão. O vídeo nomeado para os Prémios Play resulta de imagens captadas durante algumas semanas no estúdio de gravação na Quinta da Conraria, num processo conduzido pelo produtor Rui Gaspar (dos First Breath After Coma), e que contou com as colaborações de Surma e de Victor Torpedo.

“Parece que algo está a acontecer e espero que possa ser uma mudança de paradigma em relação à pessoa com deficiência e à forma como ela é vista pela sociedade”, afirma Paulo Jacob, para quem “o futuro da reabilitação passa muito pela utilização da arte”.

Fátima tem um sonho: conhecer Anselmo Ralph. Já Fausto quer ser DJ e até já se estreou com os pratos, no Pinga Amor, em Coimbra. O que nunca sonharam foi que a pancada da Quinta lhes valesse o estatuto de estrelas, os fizesse viajar pelo país em digressão e chegar aos Prémios Play. Já ganharam, pois claro! E nós também.

Leia também:

5ª Punkada estão nomeados para os Prémio Play. Veja o vídeo. É para ganhar! – Notícias de Coimbra (noticiasdecoimbra.pt)

Veja o direto NDC no ensaio dos 5ª Punkada:

Veja o direto NDC com dois dos elementos da banda:

Veja o direto NDC com Paulo Jacob, coordenador e músico dos 5ª Punkada

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade