Conecte-se connosco

Universidade

Universidade de Coimbra vai lançar selo comemorativo das reformas pombalinas

Publicado

em

Os 250 anos das reformas pombalinas na Universidade de Coimbra (UC) vão ser assinalados com um programa que já conta com mais de 20 iniciativas, para responder aos desafios do presente e “projetar soluções para o futuro”.

A ideia passa por, “a propósito de um evento histórico”, que é a comemoração dos 250 anos das reformas pombalinas na UC, entre 1772 e 1777, e verificar “o que é que isto pode motivar para responder àquilo que são os desafios do ensino superior, os desafios que a sociedade coloca às próprias instituições, à universidade e à forma de justificar a sua própria relevância social”, disse hoje, na conferência de imprensa de apresentação da programação comemorativa da efeméride, o vice-reitor da UC para a Cultura e Ciência Aberta, Delfim Leão.

“Todo o programa está pensado para aquilo que é o esforço de renovar, recriar, regenerar, digamos, refletir sobre o presente e preparar o futuro – esse é o mote”, sublinhou.

Trata-se de um programa que abrange várias iniciativas, desde eventos internacionais, conferências, debates, emissões e projetos especiais, com modelos 3D (três dimensões) de projetos e edifícios da reforma pombalina da Universidade de Coimbra.

São mais de 20 iniciativas que vão prolongar-se ao longo do ano de 2022, com exposições e instalações, iniciativas ligadas ao livro e à leitura, como por exemplo, a republicação de obras clássicas e ainda concertos e espetáculos.

A programação não está fechada e a comunidade em geral pode participar com propostas para enriquecer e integrar a iniciativa.

“É um programa âncora para atrair e envolver a comunidade como um todo”, acrescentou Delfim Leão.

Uma das ações previstas é o lançamento de uma emissão dos Correios de Portugal (CTT) de um selo comemorativo das reformas pombalinas.

A inauguração e requalificação de espaços são outros dos projetos programados, designadamente a abertura do gabinete de curiosidades, a nova prefiguração do Museu Académico, bem como a reabertura da estufa fria, no Jardim Botânico da Universidade de Coimbra.

Há um conjunto de ações de disseminação e de ciência cidadã, com a plantação de 250 árvores, promovido pela Imprensa, a iniciar no Jardim Botânico, com o envolvimento da população estudantil, bem como “Observatório Astronómico: do espaço ao Espaço”, com um conjunto de iniciativas que permitem “revisitar o espaço inicial onde se encontrava”, no Pátio das Escolas.

As Reformas Pombalinas foram um momento transformador que promoveu alterações na Universidade de Coimbra (UC) e no ensino universitário português, estando na génese do que são hoje a Faculdade de Ciências e Tecnologia, a Imprensa, o Jardim Botânico, o Museu da Ciência e o Observatório Geofísico e Astronómico da Universidade de Coimbra.

A sessão de apresentação do programa comemorativo contou ainda com a intervenção dos diretores das unidades criadas no âmbito das Reformas Pombalinas.

Toda a programação está disponível e vai sendo atualizada em https://criarpararenovar.uc.pt/reformapombalina/#programa.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade