Desporto

Um jogo. Duas crónicas!

Notícias de Coimbra | 7 anos atrás em 15-11-2016

Basquetebol: Notícias de Coimbra mostra-lhe como o Olivais e o CAD viram o dérbi que disputaram no último fim de semana.

PUBLICIDADE

unnamed-18

A versão do Olivais:

Seniores masculinos do Olivais ganham novo dérbi da cidade

PUBLICIDADE

publicidade

Perante numerosa assistência a equipa olivanense conseguiu no sábado passado um bom resultado ao bater a equipa do CAD-ACB por 67-60.

Foi um jogo difícil com sucessivas alterações na liderança do marcador cujo resultado final sorriu ao Olivais devido à sua maior eficácia defensiva e a um maior acerto de lançamentos na fase final do jogo.

PUBLICIDADE

Sob arbitragem de André Rei e Marta Fernandes (Coimbra), jogaram e marcaram:

OLIVAIS FUTEBOL CLUBE (67)

Dário Furtado (8), Edis Mahmutovic (18), Bruno Bernardino (cap) (3), Gonçalo Machado (16), Rui Saraiva (11);

Paulo Matos, Luís Salazar (5), André Silva, Nuno Bonfim (6), Gonçalo Domingues, Eduardo Henriques, Gonçalo Moreira.

Treinador: Gonçalo Simões

Treinador Adjunto: Luís Silva

CAD Coimbra Basket (60) Nuno Gomes (cap) (4), Manuel Sedeño (4), Miguel Almeida (4), Rui Francisco (11), Carlos Rodriguez (20); João Monteiro, Alexandre Almeida, Alexandre Cavaleiro (4), Paulo Figueiredo (3), João Moreira (6), Gonçalo Melo, Bruno Cunha (4).

Treinador: Hugo Loureiro.

Parciais: 20-19, 16-16 (36-35), 15-15 (51-50), 16-10 (67-60).

Pavilhão: Eng. Augusto Correia

Espectadores: 200

unnamed-16A versão do CAD:

Dérbi empolgante entre Olivais e CAD:

O equilíbrio entre as duas equipas foi a nota dominante de uma excelente partida de basquetebol, que só ficou resolvida nos minutos finais.

O Pavilhão Augusto Correia foi palco do dérbi entre o Olivais Futebol Clube e o CAD – Associação Coimbra Basquete, a contar para a 4.ª jornada do Campeonato Nacional da 1.ª Divisão.

O CAD encarou olhos nos olhos a equipa do Olivais, líder da série à 3.ª jornada, e dificultou ao máximo o seu oponente. Desde cedo se notou que o CAD iria discutir o resultado até ao fim, e assim foi. O Olivais teve sempre muita dificuldade em explanar o seu jogo pois os Cadistas estiveram muito concentrados na defesa e eficazes no ataque, especialmente na 1.ª parte.

O 1.º período foi o mais produtivo em termos ofensivos para ambas as equipas, fruto da eficácia de Carlos Platero, que averbou 14 pontos para o CAD, e de Edis Mahmutovic, que marcou 10 pontos para o Olivais. No final deste período, as equipas ficaram separadas por apenas um ponto (20-19) a favor do Olivais.
No 2.º período, o parcial de 16-16 traduzia o equilíbrio verificado em campo, tendo as equipas saído para o intervalo separadas por apenas um ponto.

O 3.º período voltou a revelar-se de grande equilíbrio (15-15) entre as duas equipas, com a liderança do marcador a alternar ora para o CAD ora para o Olivais.

No quarto período, após um período inicial em que o CAD passou para a frente da partida, o Olivais conseguiu um maior acerto no ataque, com os visitantes a sentirem algumas dificuldades em encontrar soluções perante a defesa da equipa da casa. No final da partida, os setes pontos de diferença a favor do Olivais traduziram o grande equilíbrio que prevaleceu durante o jogo.

Em termos individuais, destaque na equipa do CAD para Carlos Platero e Rui Francisco, com 20 e 11 pontos marcados, respetivamente. Na equipa do Olivais realce para Edis Mahmutovic, com 18 pontos averbados, bem secundado por Gonçalo Machado, com 16 pontos.

Quem se deslocou ao pavilhão do Olivais na tarde de sábado deu por bem entregue o seu tempo, pois pôde assistir a um excelente jogo de basquetebol entre duas das melhores equipas do campeonato.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE