Coimbra

Trotinetas Lime dizem adeus a Coimbra!

Notícias de Coimbra | 5 anos atrás em 15-08-2019

Apresentadas no dia 13 de fevereiro de 2019 com muita pompa e circunstância na Câmara Municipal de Coimbra, as trotinetas Lime deixam a cidade 6 meses após o inicio da ação de propaganda “patrocinada” pela autarquia.

PUBLICIDADE

 

As trotinetas Lime vão interromper a circulação em Coimbra, anuncia a empresa em comunicado enviado a Notícias de Coimbra.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

A marca diz que vai avaliar a estratégia de negócio e expansão em Portugal, pretendendo regressar com uma oferta de qualidade e mais abrangente.

PUBLICIDADE

A Lime chegou a Coimbra, no dia 1 de março, “com a missão de fornecer à comunidade local uma opção de transporte segura, acessível e sustentável, na sequência da vontade que as autoridades locais já tinham demonstrado de melhorar a sua estratégia de mobilidade”.

A empresa lembra que a operação arrancou com uma frota entre 200 e 400 trotinetes para servir de forma inovadora a população e os mais de 500 mil visitantes por ano.

Em comunicado a empresa diz que em “cada cidade onde a Lime entra é única, não existindo, por isso, uma solução de transporte igual para todas. As comunidades têm necessidades distintas e, por este motivo, também a frota disponível é determinada por vários fatores, entre os quais o clima, a regulamentação e a disponibilidade de infraestruturas”.

Leitor atento do NDC já tinha constatado que nos últimos dias existiam pouca trotinetas em Coimbra

Apesar deste recuo, a Lime diz que se orgulha da operação desenvolvida em Coimbra e continua a acreditar no potencial da cidade, até porque as autoridades locais estão empenhadas em oferecer soluções de micromobilidade aos cidadãos.

A Lime acrescenta que a “criação de um ecossistema forte e sustentável na região centro implica uma estratégia concertada com mais entidades locais”, não explicando o que falhou na sua “relação cor de rosa” com o município de Coimbra.

A possibilidade de voltar a Coimbra e chegar a outras cidades vizinhas não é posta de parte e a marca afirma que está a trabalhar numa estratégia ambiciosa para Portugal.

Com mais de 3 milhões de utilizadores em todo o mundo, a empresa foi a primeira a introduzir as trotinetes elétricas na Europa, a primeira a operar em Portugal e também a primeira operadora a entrar em Coimbra, disponibilizando as suas trotinetes nos 70 hotspots distribuídos pela cidade.

Com a saída da Lime, a CIRC (ex-Flash) é a única operadora a atuar na cidade.

A Flash chegou a Coimbra no dia 25 de março de 2019, altura em que formalizou uma parceria com a Associação Académica de Coimbra. 

 

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE