Conecte-se connosco

Crimes

Trio suspeito de assaltos a armazéns em Tábua, Oliveira do Hospital e Arganil

Publicado

em

A GNR de Coimbra, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da Lousã, recuperou diverso material furtado e constituiu arguidos três homens, com idades compreendidas entre os 24 e os 42 anos, por furto, em armazéns nos concelhos de Tábua, Oliveira do Hospital e Arganil.

As diligências da GNR foram realizadas ontem, em Seia, informa um comunicado enviado ao Notícias de Coimbra, na sequência de uma investigação envolvendo seis furtos ocorridos em armazéns nos concelhos de Tábua, Oliveira do Hospital e Arganil, em que foram furtadas diversas ferramentas de trabalho e metais não preciosos.

Foram realizados três mandados de busca domiciliária, em ações que contaram com o reforço Posto Territorial de Oliveira do Hospital, do Destacamento de Intervenção (DI) e da Secção de Informações e Investigação Criminal do Comando Territorial de Coimbra, de binómios cinotécnicos do Comando Territorial de Viseu e do Destacamento de Ação Fiscal (DAF) de Coimbra.

A GNR conseguiu recuperar cinco rebarbadoras, quatro projetores, nove rolos de cabo de cobre de diversos tamanhos e diâmetros, quatro aparafusadoras, dois berbequins, uma tesoura de poda elétrica, além de uma serra elétrica, uma arma de ar comprimido, 12 portas e 39 calhas em alumínio e diverso equipamento informático.

Os suspeitos foram constituídos arguidos e os factos comunicados ao Tribunal Judicial de Oliveira do Hospital.

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link