Coimbra

Tribunal deixa em liberdade irlandês que tentou matar professora da Universidade

Notícias de Coimbra | 10 anos atrás em 05-08-2014

O Tribunal de Instrução Criminal de Coimbra já decidiu a medida de coação a aplicar a Colin Gloster, o irlandês que tentou matar professora da Universidade de Coimbra fica em liberdade.

PUBLICIDADE

O ex-doutorando da UC está apenas “obrigado” a apresentar-se  semanalmente na PSP e fica proibido de contactar com a vitima e de frequentar o Departamento de Fisica da Universidade de Coimbra.

Em actualização

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE