Conecte-se connosco

Coimbra

Tendas desapareceram das esplanadas da Praça da República. Agora é mais chapéus e Sol!

Publicado

em

A cobertura das esplanadas dos cafés e bares na Praça da República, instalada pela Câmara Municipal de Coimbra em Novembro de 2020 foi retirada hoje pelo executivo liderado por Manuel Machado.

Aquando da instalação das “tendas”, políticos  e outros coninbricenses contestaram a decisão da edilidade, mas os estabelecimentos localizados na área ficaram felizes com a iniciativa que possibilitou a captação de mais clientes e um aumento do volume de negócios.

 

O NDC contactou alguns proprietários de estabelecimentos com esplanadas na Praça da República que referiram, no início do mês, foram, informados pela Câmara que as coberturas das esplanadas seriam retiradas esta semana.

Foi o caso de Pedro Serra, proprietário da bar Académico, que adiantou ter recebido a comunicação da Câmara “via correio”. Foi uma boa ajuda dada pelo município ao setor da restauração com a aplicação das tendas no período do Inverno, afiança o empresário.

“Felizmente a nossa parte tem aqui estas árvores magníficas que fazem bastante sombra, o que torna também a praça mais pitoresca sem chapéus e sem nada, penso que não vou pôr chapéus, os dias serão de bom tempo e nos dias de chuva, se houver previsão de muita chuva, aí também poderá não fazer sentido ter a esplanada aqui montada”, acrescentou Pedro Serra.

 

 “Talvez as desvantagens sejam a falta de cobertura por causa dos pólens destas árvores, o que é um bocadinho prejudicial para os clientes, mas por outro lado até ficará um espaço mais arejado, pomos uns chapéus de sol branquinhos para dar claridade e não acho que seja assim muito prejudicial para a nossa clientela”, disse Simão Freitas, funcionário do Tropical.

 

As tendas que deixam agora de fazer parte do postal da Praça da República e que deram que falar por Coimbra, inicialmente foram alugadas e instaladas pelo município por um período de 151 dias com um custo previsto de 19.875,00 euros, contudo a CM de Coimbra prolongou esse aluguer por  um mês, que correspondeu a Abril, para acompanhar os cafés e bares da Praça da República no período de desconfinamento.

 

Notícias de Coimbra esteve hoje na Praça da República onde viu que a maior parte dos estabelecimentos optou por não colocar chapéus nas suas esplanadas.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade [video width="1280" height="1280" mp4="https://www.noticiasdecoimbra.pt/wp-content/uploads/2020/11/banner-NDC-radioboanova.mp4" loop="true" autoplay="true" preload="auto"][/video]
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com