Justiça

“Taxa Zero ao Volante”: GNR regista 747 infrações de condução sob efeito do álcool em 7 dias

NOTÍCIAS DE COIMBRA | 1 ano atrás em 30-05-2023

A Campanha de Segurança Rodoviária “Taxa Zero ao Volante”, da responsabilidade da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), da Guarda Nacional Republicana (GNR) e da Polícia de Segurança Pública (PSP), decorreu nos dias 23 a 29 de maio e teve como objetivo alertar os condutores dos veículos para os riscos da condução sob a influência do álcool.

PUBLICIDADE

Esta campanha contou, uma vez mais, com a participação dos serviços da administração regional da Região Autónoma dos Açores e da Região Autónoma da Madeira em ações de sensibilização, completando o trabalho de fiscalização que tem sido realizado pelos comandos Regionais da PSP.

Inserida no Plano Nacional de Fiscalização de 2023, a campanha foi divulgada nos meios digitais e através de cinco ações de sensibilização da ANSR, realizadas em simultâneo com as operações de fiscalização realizadas pela GNR e pela PSP, nas localidades de Alenquer, Faro, Beja, Portalegre e Estremoz.

PUBLICIDADE

Na campanha foram sensibilizados 310 condutores e passageiros, a quem foram transmitidas as mensagens de “Com uma taxa de álcool no sangue de 0,5 g/l o risco de sofrer um acidente grave ou mortal duplica”, “Os acidentes que decorrem da condução sob a influência do álcool são particularmente graves” e ainda “Conduzir sob a influência do álcool causa perturbações ao nível de aspetos cognitivos e do processamento de informação que acarretam, entre outros efeitos, uma menor capacidade e rapidez de decisão, aumento do tempo de reação e descoordenação de movimentos”.

Durante as operações das Forças de Segurança no âmbito desta campanha, segundo a autoridade, foram fiscalizados presencialmente 55 mil veículos, tendo sido registado um total de 13,8 mil infrações, das quais 747 relativas à condução sob o efeito do álcool.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE