Escolas

Tábua inaugura novas instalações de jardim de infância e de escola profissional

Notícias de Coimbra com Lusa | 1 ano atrás em 21-10-2022

A Câmara de Tábua, no distrito de Coimbra, inaugurou hoje as novas instalações do Jardim de Infância de Candosa, um espaço dos Serviços Municipais de Educação, Formação e Empreendedorismo Jovem, e da escola profissional EPTOLIVA.

PUBLICIDADE

“Os diferentes equipamentos hoje inaugurados são a concretização do compromisso que assumimos com Tábua e com os tabuenses, ao identificar a educação como uma das áreas prioritárias da nossa ação e que tem merecido uma especial atenção”, disse hoje o presidente do Município de Tábua, Ricardo Cruz, aquando da inauguração das novas instalações do Jardim de Infância de Candosa

A obra no Jardim de Infância de Candosa, orçada em cerca de 219 mil euros, apoiada pelo Programa Operacional (Centro 2020), permitiu requalificar um edifício existente, dotando-o de condições para as atividades dirigidas às crianças.

PUBLICIDADE

publicidade

A funcionar há cerca de um mês, o Jardim de Infância conta atualmente com nove crianças.

Já as obras na Escola Básica n.º 2 de Tábua, no valor de 40 mil euros, permitiram instalar designadamente gabinetes de atendimento a encarregados de educação e de alunos, assim como instalar dentro do próprio estabelecimento o Gabinete Municipal de Educação, Formação e Empreendedorismo Jovem, a equipa multidisciplinar e ainda docentes de atividades extracurriculares de língua estrangeira.

PUBLICIDADE

No que diz respeito às novas instalações da EPTOLIVA (Escola Profissional de Oliveira do Hospital, Tábua e Arganil) foram preparadas salas para determinadas áreas, nomeadamente de informática, inovação, multimédia e saúde.

“Há aqui uma aposta muito boa do Município em proporcionar espaços de qualidade para que o ensino possa aqui acontecer, com boas condições infraestruturais”, disse no final da visita aos três equipamentos, o ministro da Educação, João Costa.

O governante considerou que “quando falamos no futuro da educação falamos exatamente daquilo que vimos aqui”, já que a autarquia tem “uma oferta estruturada” e “muito bem pensada”.

“Falamos de uma oferta educativa que é contextualizada, é adequada às necessidades dos territórios, em que não há vias primeiras e vias segundas, em que o ensino profissional existe, porque dá resposta às necessidades das empresas, às necessidades do território, às necessidades de qualificação dos próprios jovens onde o ensino científico-humanístico existe para aqueles que vão seguir o ensino superior. E o ensino profissional existe para aqueles que vão seguir o ensino superior ou que querem entrar logo no mundo do trabalho”, acrescentou.

João Costa referiu que aquilo que existe no concelho de Tábua “é um pouco do retrato daquilo que temos por todo o país”.

“Um caminho de modernização e inovação, não porque isso seja um caminho por si só. Inovar não é um objetivo. (…) um objetivo é ter uma melhoria e uma elevação da qualidade das aprendizagens, e uma escola que vai dando resposta a todos independentemente das suas especificidades”, concluiu.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE