Empresas

Spotify apresenta prejuízos 13 vezes mais do que em 2021

Notícias de Coimbra com Lusa | 1 ano atrás em 01-02-2023

 A plataforma musical sueca Spotify perdeu 430 milhões de euros em 2022, quase 13 vezes mais do que em 2021, apesar de se ter tornado o primeiro serviço de transmissão em contínuo a superar 200 milhões de subscritores.

PUBLICIDADE

Segundo os resultados divulgados na terça-feira, a plataforma faturou 11,7 mil milhões de euros em 2022, mais 21,3% que em 2021.

No último trimestre do ano, as receitas cresceram 18%, para 3,2 mil milhões, mas os prejuízos cresceram muito mais, ao passarem de 39 milhões no período homólogo de 2021 para 270 milhões agora.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

A empresa atribuiu esta deterioração ao aumento dos gastos com o pessoal, uma vez que aumentou o número de trabalhadores, aos maiores investimentos em publicidade e às variações cambiais.

PUBLICIDADE

Contudo, em relação aos trabalhadores, há uma semana, a Spotify, que emprega 8,600 em todo o mundo, anunciou que vai reduzir o seu número em seis por cento.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE