Conecte-se connosco

Mundo

Sobe para 35 o número de mortes em Pernambuco por causa das fortes chuvas

Publicado

em

Pelo menos 35 pessoas já morreram em Pernambuco, devido às fortes chuvas que afetam o estado do nordeste do Brasil desde o início da semana, informaram fontes oficiais.

Pelo menos 20 vítimas morreram durante um deslizamento de terras numa vila no bairro do Ibura, na zona sul de Recife, capital do estado de Pernambuco, segundo o último boletim da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (SEDEC) brasileira.

A autarquia da cidade de Camaragibe confirmou mais seis mortos, na sequência de um deslizamento de terras numa área arborizada da cidade.

Pelo menos 500 pessoas ficaram desalojadas, pelo que a autarquia do Recife abriu escolas e creches para acomodar famílias que tiveram de deixar as suas casas.

As autoridades aconselharam ainda 32 mil famílias a retirarem-se de áreas de risco e ofereceram refúgio em instalações municipais, enquanto outras ficaram em casas de amigos ou parentes.

As chuvas causaram vários deslizamentos e inundações em todo o estado de Pernambuco, principalmente no Recife e região metropolitana.

Em apenas 24 horas, entre as 23:00 de sexta-feira e as 11:00 de sábado (entre as 3:00 e as 15:00 de sábado em Lisboa), a cidade de Recife registou 70% da previsão de chuvas para todo o mês de maio, sublinhou a SEDEC.

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, anunciou a nomeação de 92 novos membros do Corpo de Bombeiros, que tomarão posse a partir de 6 de junho, para reforçar o resgate das vítimas das enchentes, avançou o jornal O Globo.

O governador solicitou ainda o apoio de efetivos das Forças Armadas, além de embarcações e aeronaves do exército brasileiro.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link