Conecte-se connosco

Coimbra

SMTUC justifica sumiço de Linha Amarela da ECOVIA (com vídeo)

Publicado

em

A ECOVIA Park&Ride da cidade de Coimbra teve início no passado dia 1 de junho, num conceito que junta o estacionamento e o transporte e que pretende ser uma alternativa viável ao transporte particular.

O Notícias de Coimbra acompanhou o arranque da nova ECOVIA que integra a rede de transportes dos Serviços Municipalizados de Transportes Urbanos de Coimbra (SMTUC) e que ficou marcado pelo não funcionamento da Linha Amarela e pela escassez de passageiros nas restantes linhas.

O Notícias de Coimbra contactou os SMTUC no passado dia 2 de junho de forma a compreender o motivo da ausência da Linha Amarela previamente anunciada. A resposta chegou hoje, dia 6 de junho, informando que “a Linha Amarela não entrou em funcionamento nesta fase, como divulgado no dia da apresentação na Universidade de Coimbra, porque está em fase final a operacionalização do estacionamento subterrâneo na Praça Heróis do Ultramar”, afirmam os SMTUC

São quatro as linhas que compõem a nova ECOVIA de Coimbra. A Linha Vermelha faz ligação entre a Casa do Sal e os Hospitais da Universidade de Coimbra, a Linha Verde com partida no Parque Verde e ligação à Universidade de Coimbra com passagem pelo interior do Jardim Botânico. Ainda a Linha Roxa com partida do Vale das Flores e passagem no Centro Hospitalar e Universitário da Cidade de Coimbra, e por fim a Linha Amarela da Casa do Sal e ligação à Universidade de Coimbra.

Os SMTUC anunciam na sua página que “aos clientes deste novo sistema, bastará dar entrada num dos parques que servem de suporte a este serviço e escolher a sua modalidade de deslocação adquirindo o respetivo Bilhete de Estacionamento+Deslocação ou utilizando o Passe Rede Geral+, e de seguida, subir a bordo da viatura do serviço dedicado que frequentemente (10min/15min) assegurará a ligação até ao seu local de destino, numa viagem tranquila e sem stress associado”.

O Notícias de Coimbra verificou que apenas nos parques de estacionamento da Casa do Sal e do Vale das Flores se verificam estas condições de fácil acessibilidade e estacionamento. No parque do estacionamento do Parque Verde, que corresponde ao estacionamento previsto na Linha Verde, essas opções de estacionamento com transporte urbano não existe.

Ao utilizador da ECOVIA basta que dê entrada no parque de estacionamento da Casa do Sal e do Vale das Flores e se dirija ao posto SMTUC que se encontra no local e adquira o bilhete ECOVIA. No Parque Verde não existe essa possibilidade, pois, apesar do estacionamento ser municipal, disseram-nos que não dá para comprar bilhete porque não existe Loja SMTUC.

Para quem deseje usufruir da Linha Verde tem de previamente se deslocar a um qualquer ponto SMTUC na cidade e só posteriormente dar entrada com esse bilhete no parque de estacionamento do Parque Verde e seguir viagem no veículo da ECOVIA. A facilidade e comodidade de estacionamento na cidade é assim colocada em causa, pois para o utilizador da ECOVIA existe a necessidade de primeiro estacionar o carro fora de um dos parques previstos, para adquirir bilhete e só depois conseguir utilizar o serviço.

Ao pedido de esclarecimento sobre esta situação na Linha Verde, os SMTUC respondem que “a opção foi iniciar a primeira fase do serviço a 1 de junho precisamente para se poder melhorar algumas questões, como a reportada” pelo Notícias de Coimbra.

Recordamos que a ECOVIA nasceu nos primeiros mandatos de Manuel Machado na década de 90 do século passado. Foi descontinuada durante a presidência de Carlos Encarnação no inicio deste século XXI. Tinha pouca procura e entrou no anedetório coimbrinha como sendo a “Ecovazia”.

Veja aqui o direto NDC da Linha Amarela

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link