Crimes

SEF identifica 8500 pessoas em ações de controlo documental

Notícias de Coimbra | 8 anos atrás em 01-12-2015

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) desenvolveu ações de prevenção e rotina, em todo o território nacional, no âmbito do combate ao tráfico de pessoas, imigração ilegal, falsificação de documentos e controlo da permanência de cidadãos estrangeiros no país.

PUBLICIDADE

Foram realizadas, durante a semana transata, dezenas de ações de controlo documental em estações rodoviárias e ferroviárias, cais de embarque, acessos a marinas e a portos marítimos, assim como controlos móveis em estradas fronteiriças, algumas em colaboração com outros organismos, como a Polícia de Segurança Pública, Guarda Nacional Republicana e Polícia Marítima.

PUBLICIDADE

No decurso das operações o SEF identificou 8502 pessoas, das quais 106 cidadãos estrangeiros em situação irregular.

Das 106 situações de irregularidade detetadas, 64 resultaram em notificação para abandono do país, 10 detenções para instauração de processos de afastamento coercivo, duas detenções para cumprimento imediato de decisões de afastamento, uma detenção por uso de documentos falsos, quatro readmissões a Espanha e 25 notificações de comparência nas instalações do SEF.

PUBLICIDADE

publicidade

A atuação do SEF levou ainda à instauração de nove processos de contraordenação por irregularidades relacionadas com a atividade laboral de cidadãos estrangeiros em situação de permanência ilegal.

O conjunto de ações de controlo documental, realizado em todo o território nacional, envolveu cerca de 150 operacionais do SEF.

PUBLICIDADE

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com