Conecte-se connosco

Desporto

Sandra Semedo revalidou títulos de campeã nacional de tricicleta. É atleta da Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra

Publicado

em

A triciclista Sandra Semedo revalidou ontem (18 de maio) os títulos de campeã nacional de tricicleta dos 200, 400 e 800 metros na categoria RR2. A atleta da Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra (APCC) repetiu também o 2.º lugar nos 100 metros, chegando desta forma às 31 medalhas conquistadas em Campeonatos Nacionais.

A APCC conquistou mais três medalhas na prova disputada na Maia, através dos atletas Ana Margarida Marques, que se estreou na competição chegando ao último lugar do pódio nos 100 e 200 metros da categoria RR2, e António Sequeira, que foi 3.º classificado nos 100 metros em RR1.

O Campeonato Nacional de Tricicleta 2022 foi disputado no Estádio Municipal Prof. Dr. José Vieira de Carvalho, na Maia, e foi organizada pela PCAND – Paralisia Cerebral Associação Nacional de Desporto, com a colaboração da Câmara Municipal da Maia. Esta é a única prova do calendário nacional daquela disciplina desportiva, sendo complementada pelo Encontro Nacional, evento que já se disputou em Coimbra por diversas vezes, a última das quais em março deste ano.

A tricicleta é uma disciplina em que se corre com os pés, sentado num equipamento com três rodas e três apoios. Trata-se de uma vertente do atletismo adaptado dirigida a pessoas com paralisia cerebral e deficiências motoras que afetem o movimento ou o equilíbrio, que se desloquem em cadeira de rodas ou que não tenham uma corrida funcional a pé.

É um dos desportos desenvolvidos no âmbito da atividade do Departamento de Educação Física e Desporto da APCC, tendo sido inicialmente introduzida na instituição há quase duas décadas e implementada de novo a partir de 2013.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link