Crimes

Sai de casa e deixa filhos menores 4 dias sozinhos para “fazer rastas” e “comprar comida africana”

NOTÍCIAS DE COIMBRA | 6 meses atrás em 23-10-2023

Cinco crianças, com idades entre os nove meses (gémeos), 5, 7 e 12 anos, foram deixados sozinhos em casa pela mãe. A progenitora terá saído da habitação, em Bragança e rumou a Lisboa para “fazer rastas” e “comprar comida africana”. Demorou quatro dias. 

PUBLICIDADE

“Estavam sujas, cheiravam mal e a casa estava repleta de lixo e comida podre. A mulher responde por cinco crimes de violência doméstica cometidos por omissão em concurso aparente com cinco crimes de maus-tratos também por omissão”, conta o Correio da Manhã.

No período em que esteve ausente, a arguida, de nacionalidade angolana e de 39 anos, “encarregou o filho mais velho de alimentar, mudar a fralda e levar os irmãos mais novos à escola”, refere.

PUBLICIDADE

publicidade

Segundo a acusação do Ministério Público (MP), a que o jornal teve acesso, os móveis estavam caídos e no quarto onde as crianças dormiam havia fraldas usadas. Na mesma divisão estava também uma panela cheia de urina. Os cinco menores andavam descalços, sem meias e durante o período em que estiveram sozinhos não tomaram banho.

Foi considerado que a arguida agiu com “total desrespeito e atingiu a dignidade dos filhos, sabendo que precisavam de auxílio de um adulto”, diz. O Ministério Público pede que os filhos sejam indemnizados.

PUBLICIDADE

O caso aconteceu em 2021 e só agora está a ser julgado.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE