Coimbra

Região de Coimbra tem orçamento de 19 milhões de euros em 2024

Notícias de Coimbra com Lusa | 4 meses atrás em 20-12-2023

O orçamento da Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra para 2024 ascende a 19 milhões de euros, anunciou hoje esta entidade.

PUBLICIDADE

Em comunicado enviado à agência Lusa, a CIM, liderada pelo autarca Emílio Torrão, salientou que o documento deverá prosseguir no próximo ano “o reforço da intervenção” da comunidade “como promotora do desenvolvimento regional, através da articulação de políticas municipais e regionais e do estabelecimento de parcerias com os outros agentes de desenvolvimento que operam no território”.

As grandes opções do plano e o orçamento foram aprovadas pela Assembleia Intermunicipal da CIM da Região de Coimbra, numa reunião realizada em Miranda do Corvo, na terça-feira.

PUBLICIDADE

publicidade

Com estes instrumentos previsionais, a Comunidade Intermunicipal pretende “contribuir para o desenvolvimento sustentável da região”, apostando “em três eixos estratégicos”.

Para Emílio Torrão, citado na nota, o orçamento e o plano juntos constituem “um instrumento fundamental para o desenvolvimento da região de Coimbra”.

PUBLICIDADE

“Estes investimentos irão contribuir para criar emprego, melhorar a qualidade de vida dos cidadãos e promover a coesão e crescimento económico da região”, afirmou o também presidente da Câmara de Montemor-o-Velho, no Baixo Mondego.

Um dos eixos estratégicos é o “desenvolvimento económico e inovação”, com “promoção da competitividade das empresas, apoio ao empreendedorismo e à inovação, desenvolvimento do turismo, da cultura e do património gastronómico da região”.

“Coesão territorial e social” é outro dos objetivos, que passa pela “melhoria das acessibilidades e mobilidade na região, reforço dos serviços públicos e da coesão social”.

A CIM destaca ainda o ambiente e a sustentabilidade, com investimentos na “proteção do ambiente, promoção da sustentabilidade energética e da mobilidade sustentável”.

Entre as opções aprovadas, estão o “reforço do apoio ao empreendedorismo e à inovação”, a “promoção do turismo, com a consolidação e desenvolvimento dos produtos turísticos integrados”, bem como o “reforço das acessibilidades, com a requalificação de infraestruturas rodoviárias e ferroviárias”.

“A promoção da sustentabilidade energética, com a instalação de novas fontes de energia renovável”, é outra das prioridades, em 2024, da CIM da Região de Coimbra, que reúne 19 municípios, sendo 17 do distrito de Coimbra e dois do distrito de Viseu.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE