Desporto

Quinta dos Lombos conquista Supertaça feminina de basquetebol

Notícias de Coimbra | 10 meses atrás em 24-09-2023

– A formação da Quinta dos Lombos conquistou hoje a 37.ª edição da Supertaça feminina em basquetebol, segunda do seu historial, ao bater o GDESSA, por 73-65, após prolongamento, em jogo realizado no pavilhão municipal do Montijo.

PUBLICIDADE

O embate entre o GDESSA, campeão nacional da Liga feminina de basquetebol, e a Quinta dos Lombos, vencedora da Taça de Portugal, foi muito equilibrado, perante bastante público.

As duas equipas já se haviam defrontado no início da temporada, em jogo a contar para os quartos de final da Taça Vítor Hugo, então com triunfo do GDESSA, por 41-27.

PUBLICIDADE

Desta feita, a formação de Carcavelos, orientada por José Leite, levou a melhor, liderada pela base Inês Faustino, que foi a MVP do jogo, face sobretudo aos 28 pontos apontados.

Após um início de jogo emotivo, em que houve alternância de liderança do marcador, a partida baixou de intensidade, com o GDESSA a ganhar vantagem de apenas um ponto (13-12) no final do primeiro período.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

Com uma entrada mais assertiva no segundo período, a formação campeã nacional “estendeu” a diferença no marcador para 21-12 (após parcial de 8-0), apoiando-se nos triplos consecutivos de Joana Lopes e Maianca Umabano.

No entanto, a formação da Quinta dos Lombos recuperou o fôlego e reduziu para apenas um ponto de desvantagem (21-20), a quatro minutos do intervalo. Mesmo assim, a liderança do GDESSA manteve-se até ao descanso (26-24) em virtude do maior acerto nos lançamentos interiores.

No terceiro período, e com Márcia Robalo e Ahlana Smith em destaque na equipa do Barreiro, o GDESSA voltou a ganhar algum ascendente no marcador.

A formação de Carcavelos voltou a recuperar, através do jogo interior da norte-americana Madelynn Utti, e dos lançamentos triplos da cubana Nahomis Hardy, virando o jogo para 38-39, a cerca de três minutos do final.

Mesmo assim, o GDESSA voltou a colocar-se na frente graças a um lançamento de três pontos de Joana Lopes (43-40).

No derradeiro período, a formação campeã nacional permitiu nova viragem no marcador (54-55), a pouco mais de um minuto do final, e o jogo acabou por resvalar para o prolongamento, após um empate no final do tempo regulamentar (57-57).

Nos cinco minutos do prolongamento, a equipa da Quinta dos Lombos, orientada por José Leite, entrou melhor, ganhou rápida vantagem de oito pontos (57-65), que soube preservar de forma categórica até final, levando assim o troféu para Carcavelos.

A Quinta dos Lombos conquista, assim, a segunda Supertaça do seu historial, depois do triunfo alcançado em 2017. Já o GDESSA mantém os dois troféus, conquistados em 2005 e 2006.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE