Coimbra

Quase todo o país sob aviso laranja e amarelo devido à neve e agitação marítima

Notícias de Coimbra | 11 anos atrás em 16-01-2014

Quase todo o país está hoje sob aviso laranja e amarelo devido à previsão de forte agitação marítima com ondas até seis metros e queda de neve, informou hoje o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

PUBLICIDADE

De acordo com o IPMA, os distritos de Leiria, Lisboa, Setúbal, Beja e Faro e a Madeira vão estar entre as 00:00 de sexta-feira e as 12:00 de sábado sob aviso laranja por causa do estado do mar.

O IPMA colocou também os distritos de Viana do Castelo, Porto, Braga e Coimbra sob aviso amarelo, o segundo menos grave de uma escala de quatro, devido à agitação marítima entre as 00:00 de sexta-feira e as 18:00 de sábado, com ondas de quatro a cinco metros.

PUBLICIDADE

Estes quatro distritos estão também sob aviso amarelo devido à queda de neve acima dos 800/1.000 metros de altitude entre as 00:00 de hoje e as 12:00 de sábado.

O aviso laranja significa que existe “uma situação meteorológica de risco moderado a elevado”, enquanto o amarelo diz respeito a “risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica”.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

A queda de neve levou também o IPMA a emitir um aviso amarelo, em vigor entre as 00:00 de hoje e as 12:00 de sábado, para os distritos de Castelo Branco, Guarda, Viseu, Vila Real e Bragança.

O IPMA colocou ainda a Madeira sob aviso amarelo devido à previsão de vento de noroeste com rajadas da ordem dos 80 quilómetros/hora, sendo de 100 quilómetros/hora nas terras altas, entre as 06:00 de sexta-feira e as 08:00 de sábado.

Por causa do mau tempo, o Serviço Regional de Proteção Civil (SRPC) da Madeira emitiu um aviso relativo a agitação marítima e ventos fortes no arquipélago entre as madrugadas de quinta-feira e de sábado devido à passagem de uma superfície frontal fria.

O SRPC aconselha as pessoas a evitarem circular nas zonas costeiras, estarem atentas às informações da Meteorologia e seguirem as indicações da Proteção Civil e das forças de segurança.

Atendendo à forte ondulação, o SRPC alerta para as medidas habituais de autoproteção, como tomar atenção à eventual afetação de edifícios localizados junto à costa ou a praias.

No ‘site’ do serviço regional – www.procivmadeira.pt – é mantida “permanentemente atualizada, em articulação com o Observatório Meteorológico do Funchal, a informação relativa à evolução da situação meteorológica”.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE