Conecte-se connosco

Polícias

PSP abre inquérito a agentes que “recorreram ao uso da força” na detenção de um cidadão

Publicado

em

A PSP anunciou hoje a abertura de um processo de inquérito a uma ocorrência envolvendo dois polícias que “recorreram ao uso da força” na detenção de um cidadão, no sábado, no Bairro Alto, em Lisboa.

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa refere que uma patrulha foi informada no sábado, pelas 19:40, de que se encontrava na Travessa da Boa Hora um homem com um “comportamento agressivo” para com os cidadãos que por lá passavam, “ameaçando-os e causando-lhes receio”.

De acordo com a nota, os agentes deslocaram-se ao local e abordaram o suspeito, “tendo este uma atitude agressiva para os polícias e negando identificar-se”.

Tendo em conta que os agentes esgotaram “todos os pressupostos legais” para identificar o homem, este foi informado de que iria ser conduzido à esquadra, altura em que o suspeito, de acordo com a PSP, terá ficado “mais agressivo”, negando acompanhar os polícias.

O homem, acrescenta a força de segurança, terá tentado escapar e impedir a ação policial “utilizando ferros com intenção de os agredir”.

“Os polícias recorreram ao uso da força, incluindo através de bastão policial e, já manietado, conduziram o suspeito à esquadra, onde foi identificado, tendo saído daquela subunidade pelas 22:00”, pode ler-se na nota.

“Para o esclarecimento cabal do ocorrido vai ser instaurado um processo de inquérito”, termina a nota da PSP, que indica que a ocorrência foi gravada num vídeo que circula nas redes sociais.

No vídeo, que foi inicialmente reproduzido na rede social Twitter, pode ver-se um homem no chão a ser manietado por dois agentes que usam o cassetete para o imobilizar e deter. Um deles chega a colocar o joelho no pescoço do homem.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade