Conecte-se connosco

Unidade de Intervenção Psicológica da Maternidade Daniel de Matos celebra 20 anos

Publicado

em

 

No próximo dia 27 de novembro, pelas 11:30, na biblioteca da Maternidade Daniel de Matos do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (MDM-CHUC), terá lugar a comemoração do 20º aniversário da Unidade de Intervenção Psicológica (UnIP), que dará conta do percurso e experiência destes 20 anos e dos projectos para o futuro.

grávida

A Maternidade Daniel de Matos dispõe desde novembro de 1997 da Consulta de Acompanhamento Psicológico, formalizada devido à necessidade de otimizar o atendimento clínico das suas utentes e famílias, necessidade expressa pelo então Diretor do Serviço de Obstetrícia da MDM, Jorge Fagulha, que convidou Cristina Canavarro da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra (FPCEUC) para estruturar e coordenar a referida consulta.  

Desde o início do seu funcionamento o volume de casos acompanhados revelava situações clínicas diversas na sua etiologia, manifestações e necessidades de intervenção, o que foi obrigando a Consulta de Acompanhamento Psicológico a organizar-se em diferentes vertentes, extravasando o âmbito de funcionamento de uma consulta externa.

Ao longo destes primeiros 20 anos de funcionamento ingressaram na UnIP 6213 utentes, tendo sido realizadas 24921 consultas. A atuação da UnIP tem sido desenvolvida nos quatro vetores referidos –  intervenção (atividades assistenciais), investigação, formação e articulação institucional – que com a experiência adquirida cada vez têm surgido de forma mais articulada.

Esta articulação, bem como o recurso a captação de fundos externos através de candidaturas a programas de financiamento, tem tornado possível  assegurar os procedimentos de avaliação universal e intervenção psicológica e psicoterapêutica nas situações clínicas com maior risco de mau ajustamento ou psicopatologia; reforçar o foco na prevenção do risco e promoção da saúde mental, através de programas inovadores  como o BeAMom (programa e-health de prevenção da Depressão Pós-Parto) e a colaboração no Pais & Bebés: Preparação para o Nascimento;  responder com brevidade aos pedidos referenciados pelas Equipas Clínicas dos serviços da Maternidade e Serviço de Medicina da Reprodução, por Serviços Externos (nomeadamente Centros de Saúde, Comissões de Proteção de Menores – CPCJ e Equipas Multidisciplinares de Apoio ao Tribunal de Menores – EMAT) e pelas próprias utentes e famílias. Este conjunto de procedimentos e tarefas tem sido progressivamente organizado num modelo de saúde step by step que permite otimizar os cuidados de saúde psicológica com base na evidência.

As profundas mudanças legais e sociais que ocorreram no país neste período e contexto (de que são exemplo a despenalização da interrupção voluntária da gravidez e as mudanças legislativas que enquadram a Reprodução Medicamente Assistida), bem como as possibilidades abertas pela evolução técnica e científica (que permitem, entre outros, melhorias na sobrevivência e morbilidade de bebés nascidos pré-termo, a parentalidade mais tardia ou a preservação da fertilidade em situações oncológicas), têm tido impacto significativo na saúde e ajustamento emocional da mulher e da sua rede familiar e de suporte.

O funcionamento dos Serviços de Psicologia na Maternidade Daniel de Matos está, desde o início até à atualidade, enquadrado por um protocolo aprovado pelo Conselho de Administração do CHUC e pela Direção da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra (FPCEUC) e homologado Reitor da Universidade de Coimbra.

 

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com