Conecte-se connosco

Coimbra

Portugueses “podem surpreender” no Mundial de Trail Running em Miranda do Corvo

Publicado

em

Os atletas portugueses “podem surpreender” os favoritos no Campeonato do Mundo de trail running, que se vai disputar em 08 de junho, em Miranda do Corvo, disse hoje à Lusa o líder da associação nacional da modalidade.

“Correr em casa tem sempre peso. Não só porque os nossos atletas conhecem bem o percurso, mas também porque teremos o apoio do público e estaremos a correr no berço do trail nacional”, defendeu o presidente da Associação de Trail Running de Portugal (ATRP), Rui Pinho.

No dia em que foram divulgados os últimos representantes da seleção lusa, que vai alinhar com nove atletas no setor masculino e outros tantos no feminino, e apesar de admitir poder surpreender, Rui Pinho atribuiu o favoritismo a Espanha, França e Estados Unidos.

O Mundial de trail vai ser disputado pela segunda vez em Portugal, em simultâneo com os Trilhos dos Abutres, na Serra da Lousã, depois de ter sido disputado no Parque Nacional Peneda-Gerês, em 2016.

“Como sempre, a ambição é fazer o melhor. Não somos favoritos, mas podemos trabalhar como ‘outsiders’. Temos atletas para surpresas e em termos de equipa estamos num ano em que, se estivermos num dia em que tudo corra de feição, podemos aspirar a um pódio. Temos atletas rápidos, que conhecem bem o terreno e que podem surpreender”, analisou Rui Pinho, assinalando o cariz técnico do percurso.

Quanto aos escolhidos para vestir a camisola portuguesa, o presidente da ATRP explicou que o critério, além dos resultados obtidos, passou por selecionar os atletas que melhores resultados poderão alcançar nesta prova.

“Alguns dos nomes selecionados foram escolhidos por mérito, ou seja, pelos resultados desportivos que alcançaram. Os ‘wild cards’ foram escolhidos ao olhar para os resultados dos últimos meses, concretamente, no Campeonato Nacional de trail e de trail ultra, distâncias mais próximas do que vai ser o Campeonato do Mundo. Optámos por atribuir ‘wild cards’ a quem tem mais apetência para estas distâncias ou poderá obter melhores resultados, de acordo com o que têm feito nos últimos tempos”, justificou.

André Rodrigues, Luís Semedo, Romeu Gouveia, Tiago Romão, Tiago Aires, Bruno Coelho, Dário Moitoso, Bruno Silva e Hélio Fumo são os selecionados para a prova masculina.

No setor feminino, a equipa lusa vai estar representada por Inês Marques, Sara Brito, Cristina Couceiro, Sofia Roquete, Lucinda Sousa, Marisa Vieira, Mariana Machado, Paula Barbosa e Paula Soares.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade