Conecte-se connosco

Polícias

Portugal registou em 2020 “os mais baixos índices” de criminalidade desde que há registo

Publicado

em

Portugal registou em 2020 “os mais baixos índices” de criminalidade desde que existe o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI), disse hoje o ministro da Administração Interna.

“Neste contexto muito especial, nós registamos os mais baixos índices de criminalidade desde que existe Relatório Anual Segurança Interna, desde que o reporte de dados é feito desta forma sistematizada”, afirmou Eduardo Cabrita sem precisar desde quando é que estes dados são divulgados. O ministro falava em conferência de imprensa realizada após a apresentação e aprovação do RASI de 2020 no Conselho Superior de Segurança Interna.

O ministro disse que a criminalidade geral reduziu cerca de 11% no ano passado face a 2019 e a criminalidade violenta e grave registou uma descida superior a 13%.

O governante sublinhou que esta redução da criminalidade e a sua relação com o ano de 2020, em que Portugal passou por vários estados de emergência e situações de alerta, calamidade e contingência para fazer face à pandemia de covid-19, vão ser ainda analisadas.

O ministro sustentou que, em outros países europeus, a situação de pandemia determinou o aumento de algumas formas de criminalidade e a existência de situação de grave perturbação da segurança interna ou da ordem pública.

“Em Portugal isso não aconteceu. Temos o registo marcado pela generalizada redução” dos vários tipos de crime, afirmou.

O RASI vai ser entregue na quarta-feira pelo Governo à Assembleia da República.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com