Conecte-se connosco

Região

Pombal: Novo centro de formação da Cercipom é inaugurado no domingo

Publicado

em

O novo Centro de Formação e Inclusão Socioprofissional da Cooperativa de Ensino e Reabilitação de Cidadãos Inadaptados de Pombal (Cercipom) é inaugurado no domingo à tarde, após um investimento de um milhão de euros do município, foi hoje anunciado.

À agência Lusa, a diretora-geral da Cercipom, Preciosa Santos, destacou que a mais-valia do novo espaço é “melhorar a qualidade da formação profissional das pessoas com necessidades especiais num enquadramento físico que é uma zona industrial [da Formiga] que permite intervenções muito próximas do tecido empresarial”.

“As novas instalações permitem que os utentes estejam todos na mesma estrutura, com a formação em áreas tecnológicas e os apoios especializados em serviço social e psicologia”, afirmou Preciosa Santos.

A diretora-geral da Cercipom adiantou que, “com a aquisição e a requalificação do edifício, a Câmara de Pombal investiu cerca de um milhão de euros”.

“Sem este apoio, era completamente inviável ter uma estrutura com condições condignas para o desenvolvimento das ações de formação profissional. Não teríamos capacidade para o fazer”, continuou.

A Cercipom foi fundada em 1979 e as ações de formação profissional começaram em 1990.

O centro de formação, com cerca de 80 utentes, dividia-se por instalações na Rua da Fábrica Velha, entre a rodoviária e a estação da CP, e salas arrendadas no Edifício Arunca, na cidade de Pombal, distrito de Leiria.

“Há muitos anos que vínhamos a sinalizar a necessidade de novas instalações”, acrescentou a responsável da Cercipom, referindo que a requalificação do novo espaço foi iniciada há um ano.

Segundo Preciosa Santos, já foi celebrado um contrato de comodato com a Câmara “e, finalmente, a Cercipom, vai estar em condições condignas para desenvolver as ações e articular, cada vez melhor, com empresas e com as entidades locais de ensino e formação”.

Numa nota de imprensa divulgada em junho, a Câmara de Pombal explicou que o novo centro de formação tem boas acessibilidades e é servido de transportes públicos.

“A intervenção, cujo projeto foi desenvolvido pela Cercipom com o apoio financeiro do município, prevê para o primeiro piso, entre outros espaços, a instalação de dois gabinetes de direção, uma sala de coordenação, uma sala de refeições, cozinha e copa, salas de formação em carpintaria, serralharia, hortofloricultura e em serviços de rouparia (engomadoria)”, adiantou a autarquia.

Já o piso superior acolhe salas de reuniões, formadores, informática, formação teórica e sala de formação em artes.

Na mesma nota, a Câmara salientou que o novo centro de formação vai “permitir a demolição do edifício onde atualmente funcionam aquelas valências, localizado junto à central rodoviária e estação ferroviária, viabilizando a construção do ‘interface’ de transportes, no âmbito do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano para a cidade de Pombal”.

Além da formação profissional, a Cercipom tem as valências de intervenção precoce, centro de recursos para a inclusão, centro de atividades e capacitação para a inclusão e lares residenciais, dando apoio a 570 pessoas, quase 240 nas respetivas instalações.

Com cerca de 100 funcionários, a instituição tem no concelho de Pombal a sua intervenção prioritária, mas chega a outros concelhos da região.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link