Educação

Politécnico de Coimbra promove tertúlia sobre “Cidadania, Democracia e Imprensa”

Notícias de Coimbra | 2 meses atrás em 19-02-2024

O Politécnico de Coimbra promove a Tertúlia “Cidadania, Democracia e Imprensa” no próximo dia 20 de fevereiro, pelas 18:00, no Auditório H1 da Escola Superior Agrária do Politécnico de Coimbra. O evento terá como convidados Carlos Encarnação e Joaquim Vieira, numa conversa moderada por António Vilhena.

PUBLICIDADE

Trata-se da segunda tertúlia de um ciclo que o Politécnico de Coimbra está a desenvolver, com o objetivo de aproximar a comunidade académica da sociedade, convidando várias personalidades externas e internas a partilharem a sua visão do mundo sobre diversas temáticas em conversas que vão ocorrer em diferentes espaços do IPC.

As tertúlias irão acontecer, previsivelmente, uma vez por mês ao longo de 2024, e serão anunciadas oportunamente. O ciclo de tertúlias está integrado nas comemorações dos 45 anos do Politécnico de Coimbra, que se assinalam no dia 9 de julho de 2024.

PUBLICIDADE

Carlos Encarnação, nasceu em Coimbra, em 1946. É Licenciado em Direito pela Universidade de Coimbra. Fez um curso de pós-graduação em Administração Metropolitana na Fundação Getúlio Vargas, e outros cursos profissionais no CEPIA, em Versalhes, e em Inglaterra, sendo para isso Bolseiro da Presidência da República do Brasil, da Embaixada da França, em Portugal e do British Council.

Foi Analista de Sistemas Principal no CCUC. Foi convidado para Assistente da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, onde lecionou alguns cursos, e para formador do Instituto Nacional de Administração.

PUBLICIDADE

Foi, ainda, administrador delegado da AIRC. Foi designado Governador Civil de Coimbra, em 1980. Exerceu a atividade política disputando eleições municipais e nacionais, regressando, no ínterim, ao seu lugar de origem.

Foi Vereador eleito, por duas vezes, da Câmara Municipal de Coimbra e seu Presidente por três vezes por maioria absoluta. Foi, também, Presidente da Assembleia da Região Centro e membro do Conselho da Europa.

Foi Deputado eleito à Assembleia da República por quatro vezes e, quando o PSD foi chamado a formar governo, desempenhou as funções de Secretário de Estado da Administração Interna, de Secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares e, de novo, Secretário de Estado da Administração Interna.

Na Assembleia da República, foi Presidente da Comissão de Revisão Constitucional e, sempre, da Comissão de Direitos Liberdades e Garantias.

Na Assembleia Parlamentar da NATO foi Vice-Presidente da Comissão Política.

Foi, ainda, em quatro direções de Bancada, Vice-Presidente do Grupo Parlamentar do PSD. Neste partido, foi Diretor do Povo Livre e, por três mandatos, Presidente do Conselho de Jurisdição Nacional.

É Comendador da Ordem do Mérito (Portugal), da Ordem “Au Merit” da República Federal da Alemanha e da Ordem do Mérito do Luxemburgo.

Colaborou como colunista nos semanários Tempo, O Diabo, Jornal de Notícias e Diário de Coimbra. Foi comentador na RTP, SIC e TVI.

Publicou “Combater o Desencanto”, “O Poder é Solúvel”, “Duas Conferências no Brasil”, “As Palavras Necessárias”. E em co-autoria com João Rebelo, “Como Não Decidir Uma Obra Pública: Um Metro da Razão ao Erro”.

Joaquim Vieira foi jornalista, ensaísta e documentarista, ocupou cargos diretivos no Expresso, na RTP e na Grande Reportagem, tendo sido provedor do leitor do Público. Assinou a coleção em 10 volumes “Portugal Século XX – Crónica em Imagens” e dirigiu uma série de 18 fotobiografias de personalidades portuguesas do século XX, nomeadamente Salazar, Marcello Caetano, Almada Negreiros e Joshua Benoliel.

Entre outros livros, assinou títulos como “Mário Soares – Uma Vida”, “Álvaro Cunhal – O Homem e o Mito”, “A Governanta – D. Maria”, “Companheira de Salazar”, “Mocidade Portuguesa – Homens para Um Estado Novo”, “Só Um Milagre nos Salva”, “De Abril à Troika – Quatro Décadas de Democracia que Transformaram Portugal”, e “Francisco Pinto Balsemão – O Patrão dos Media, que Foi Primeiro-Ministro”.

Foi coautor de “Os Meus 35 Anos com Salazar”, “Mataram o Rei! – O Regicídio na Imprensa Internacional”, “República em Portugal! – O 5 de Outubro Visto pela Imprensa Internacional”, “Nas Bocas do Mundo – O 25 de Abril e o PREC na Imprensa Internacional” e “150 Perguntas & Respostas Essenciais sobre a História de Portugal – de Viriato aos Nossos Dias”.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE