Conecte-se connosco

Politécnico

Politécnico de Coimbra cria programa para fomentar empregabilidade dos estudantes

Publicado

em

O programa Trilhos – Ativa o teu Futuro, promovido pelo Instituto Politécnico de Coimbra (IPC), pretende desenvolver competências dos estudantes, para promover a sua integração e desempenho no mercado de trabalho.

O programa Trilhos é uma iniciativa da INOPOL Academia de Empreendedorismo, que é uma unidade orgânica do IPC.

A ideia é estimular a participação dos estudantes em atividades, de forma gratuita, para enriquecerem as suas experiências académicas e os seus perfis profissionais e potenciarem a sua inserção no mercado de trabalho.

“Se nós queremos ser uma instituição diferente, pela ligação ao território e pela ligação às empresas, também queremos ter uma ligação diferente pelos corredores [das escolas], por aquilo que se aprende fora da salas de aulas, que é tão ou mais importante, que aquilo que se aprende nas aulas […] Esta ideia de criar um programa que ajuda de alguma forma o estudante a identificar essa importância é determinante”,disse hoje, no lançamento do Trilhos, o presidente do Politécnico de Coimbra, Jorge Conde.

“O Trilhos vem um pouco nesse sentido de explicar como é que os nossos interesses de fora das salas de aulas se encaixam nos interesses da sala de aulas”, frisou.

A gestora e coordenadora do programa, Cristina Correia, explicou que aquilo que se pretende é “um contributo para a mobilização, para o empoderamento, para a orientação dos estudantes do Politécnico, no sentido da ativação dos seus recursos e competências”, para que potenciem o seu nível de empregabilidade, através da dinamização de um ecossistema de atividades estruturadas, de caráter universal de acesso gratuito.

O programa é dirigido a três públicos-alvo: os estudantes que estão pela primeira vez no IPC, os alunos de 2º e 3º anos e finalistas ou estudantes de mestrado.

Contribuir para a empregabilidade, para a promoção de desenvolvimento das ‘core work skills’, para desenvolver autoconhecimento e promover a articulação do trabalho em rede, assim como para fomentar sinergias no ensino superior são outros dos objetivos do projeto.

A iniciativa vai, numa primeira fase, realizar sessões em grupo, em cada escola, apresentar o programa e orientar os estudantes para o desenho do seu trilho individual.

Posteriormente, serão feitas atividades que pretendem proporcionar o desenvolvimento de ‘core work skills’, com, designadamente, um programa de mentoria de pares, atividades do projeto Eco-Escolas, voluntariado, conferências e ‘workshops’.

O Trilhos – Ativa o teu Futuro tem também previstas iniciativas a fim de gerar condições para colocar os estudantes em interação com empregadores, profissionais com experiência, e contextos de aplicação prática dos seus conhecimentos, como, por exemplo, com feiras de emprego ou com o concurso StepIN.

Todas as informações estão disponíveis no ‘site’ www.trilhos.ipc.pt.

Para participar, os alunos têm de se inscrever no programa e nas atividades em que querem participar.

O Instituto Politécnico de Coimbra integra é constituído por seis unidades de ensino: Escola Superior Agrária de Coimbra (ESAC), Escola Superior de Educação de Coimbra (ESEC), Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital (ESTGOH), Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra (ESTeSC), Instituto Superior de Contabilidade e Administração de Coimbra (ISCAC/Coimbra Business School) e Instituto Superior de Engenharia de Coimbra (ISEC).

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com