Conecte-se connosco

Mundo

Pelo menos onze mortos em explosão numa fábrica ilegal de fogo de artifício na Índia

Publicado

em

Pelo menos onze pessoas morreram, incluindo três crianças, e nove ficaram feridas após a explosão na noite de quinta-feira numa fábrica ilegal de fogo de artifício no Estado de Bihar, no norte da Índia, declarou hoje a polícia local.

“Onze pessoas morreram, incluindo três crianças – de dois meses, três anos e 10 anos – e cinco mulheres”, disse à agência de notícias Efe o polícia responsável pela esquadra de Tatarpur, Sanjay Kumar, próximo ao local do incidente.

Além disso, Kumar acrescentou que as operações de resgate continuam no local, pois “existe a possibilidade de outras três pessoas ainda estarem presas sob os escombros.

Nove pessoas ficaram feridas na explosão e foram levadas a um hospital regional.

As causas da explosão, que ocorreu na noite de quinta-feira “por volta das 23:30”, no horário local (18:00 em Lisboa), numa casa onde fogos de artifício estavam a ser fabricados ilegalmente, ainda são desconhecidas, disse a polícia.

Como resultado da explosão, três casas nas proximidades ficaram “completamente destruídas” e outra sofreu danos parciais, disse Sanjay Kumar.

O primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, escreveu na rede social Twitter que lamenta a “notícia dolorosa” e deseja aos feridos “uma rápida recuperação”.

“Falei com o chefe de Governo (de Bihar), Nitish Kumar, sobre a situação do incidente. A administração está a realizar o trabalho de resgate e toda a ajuda possível está a ser fornecida às vítimas”, acrescentou Modi.

Incêndios, desmoronamento de edifícios e acidentes industriais são frequentes na Índia, muitas vezes devido ao estado precário das infraestruturas e à falta de manutenção, fatores alimentados pela corrupção e práticas ilegais no setor de construção.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link