Coimbra

Parabéns Sansão Coelho

Notícias de Coimbra | 11 anos atrás em 24-08-2013

e-Leitor amigo, amigo e-Leitor,  seja bem-vindo a esta edição especial de Quando O Sexo Toca na Cidade. Um programa do ouvinte para o ou20, sempre na sintonia do amor, irradiando alegria do Choupal até à Lapa.

PUBLICIDADE

O disco mais pedido deste 24 de Agosto, numa altura em que há cada vez menos gente a recordar que foi neste dia que D. Pedro casou com  a Constança  Manuel ou que é nesta data que  Jean Michel Jarre celebra o seu 65º aniversário.

As cartinhas em papel de dourado chegam por terra, mar e ar e são enviadas por todos os  pequenos e grande cantores de Coimbra. O nosso bebé do dia é um dos gurus da comunicação local. Estamos a falar do distinto SANSÃO COELHO, também ele um especialista nesta arte da música dedicada, pois chegou a apresentar o mitíco  programa Diga Diga, na saudosa RDP Centro.

PUBLICIDADE

Os nosso ouvintes, decidiram, por unanimidade e exclamação, que a melhor dedicatória de aniversário para o conceituado radialista é a que foi escrita pelo jornalista Mário Martins, na sua página no Facebook, que reproduzimos com a devida vénia:

“FELIZ ANIVERSÁRIO, AMIGO!

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

O João Sansão Coelho é o maior comunicador de Coimbra e um dos maiores do país.

Habituei-me a admirá-lo desde o instante em que o conheci: eu trabalhava no “Centro Desportivo”, ele estava no serviço militar em Angola, um dia entrou uma cara nova nas instalações do jornal e o Isidro Seiça disse: «Este é o patrão!». Creio que ficámos amigos nesse instante.
Conheci-lhe depois a coragem de ser o único (repito, o único) que passava Fados de Coimbra na Antena 1 no “tempo quente”, em que o fado era reaccionário e defender a praxe académica era ser fascista.
Acompanhei a seguir o esforço criativo da Gala Internacional dos Pequenos Cantores, a maior iniciativa realizada nas últimas décadas na região.

Conheci o pai e a mãe. Pessoas adoráveis, de quem o Sansão herdou a forma fidalga de estar, o espírito de “gentleman”.

O Sansão não nasceu em Coimbra mas é de Coimbra.
Não cantou o fado mas ele é o “senhor fado de Coimbra”.
Não jogou à bola, mas é um bocado da própria Académica.
Não é da família, mas pergunta sempre pela Filipa e pelo João.

O João Aurélio Sansão Coelho faz hoje anos.
Desejo que faça muitos mais, porque a sociedade precisa de pessoas como ele – com a sua ética, o respeito pelos outros, as preocupações sociais, o carinho e afecto pelos amigos.

Com um abraço de enorme admiração, reproduzo a página que o “Campeão das Províncias” lhe dedicou na edição de anteontem.
Parabéns, Amigo!”

Vamos então ouvir o tema oferecido a esta referência de Coimbra.  Senhoras e senhoras, especialmente para A VOZ de Coimbra,  com votos de boas festas para o nosso aniversariante, silêncio que se vai cantar… a canção de Coimbra.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE