Conecte-se connosco

Política

PAN diz que é urgente melhorar os acessos ao Hospital dos Covões em Coimbra

Publicado

em

O cabeça de lista do PAN à Câmara de Coimbra, Filipe Reis, afirmou hoje que é “muito urgente” melhorar os acessos ao Hospital dos Covões e a toda a zona envolvente.

“Não é coerente e não é sério dizer viva os Covões, quando não foi feito nada ali nos últimos 40 anos”, disse o candidato, que falava à agência Lusa após uma reunião no Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), no qual o Hospital dos Covões, situado na margem esquerda do Mondego, está integrado.

Filipe Reis recordou que se os investimentos naquela unidade hospitalar são responsabilidade da administração central, já os acessos viários são “competência do município”.

“O que fez o município no que toca a acessibilidade? Zero”, criticou, recordando que, para além dos Covões, estão situadas em São Martinho do Bispo a Escola Superior de Tecnologias da Saúde e a Escola Superior de Enfermagem e que estão previstos “projetos interessantíssimos” do Politécnico de Coimbra submetidos aos Plano de Recuperação e Resiliência para aquela zona.

Segundo o cabeça de lista do PAN, havia um projeto apresentado ao município que passava pela criação de um acesso pela rotunda junto ao supermercado LIDL de Santa Clara, “que descesse e desse acesso ao Politécnico e com acesso aos Covões por trás”.

“Esse projeto é absolutamente indispensável, mesmo que a maternidade não vá para lá, mesmo que o Politécnico não faça os investimentos previstos para ali”, salientou.

Sobre a nova maternidade, Filipe Reis considera que, em igualdade de circunstâncias, entre os Hospitais da Universidade de Coimbra (HUC) e os Covões, defenderia a sua instalação na margem esquerda do Mondego.

“Havendo condições ao nível de cuidados intensivos que têm que ter para dar apoio à mãe ou ao filho, até tendo em conta o ambiente que rodeia os Covões ou os HUC, preferimos os Covões”, disse.

No entanto, os dois hospitais “não estão em igualdade de circunstâncias”, notou.

“Nesse caso, e com muita pena nossa, terá que ser nos HUC”, frisou.

Os candidatos à Câmara de Coimbra são o atual presidente do município, Manuel Machado (PS), José Manuel Silva (coligação Juntos Somos Coimbra – PSD/CDS-PP/Nós, Cidadãos!/PPM/Volt/RIR /Aliança), Francisco Queirós (CDU), Gouveia Monteiro (Cidadãos por Coimbra), Miguel Ângelo Marques (Chega), Filipe Reis (PAN), Inês Tafula (coligação Coimbra é Capital – PDR/MPT) e Tiago Meireles Ribeiro (Iniciativa Liberal).

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link