Conecte-se connosco

Coimbra

Pampilhosa da Serra: Projeto de arranjo urbanístico do Cabecinho vai a concurso público

Publicado

em

Ontem, dia 10 de março, foi aprovado em reunião extraordinária da Câmara Municipal, o projeto de arranjo urbanístico da zona do “Cabecinho” e respetiva abertura de procedimento de concurso público.

A intervenção visa melhorar o estado de conservação geral, paisagístico e a funcionalidade de um local muito acarinhado pela maioria dos Pampilhosenses. Para o efeito, este projeto urbanístico prevê um conjunto de intervenções de reorganização, a serem executadas na margem direita do Rio Unhais, como a arborização do local e a reparação da levada.

Pelo respeito e salvaguarda dos valores ambientais e paisagísticos, a vegetação a adotar, para cobertura vegetal, será composta sobretudo por espécies autóctones, que naturalmente têm elevada capacidade de adaptação ao local e simultaneamente responderão, de forma célere, às necessidades de estabilização do solo e conforto humano.

A inclusão de um bar de apoio com WC, a recuperação dos antigos moinho e lagar, a integração de uma parede de escalada, de um campo de volley de praia e de um escorrega de grande dimensão, são também algumas das intervenções descritas no projeto. Está ainda prevista a inclusão de uma zona de refeições, de uma pequena bancada, bem como de uma zona de descanso com espreguiçadeiras fixas.

Com a execução e implementação deste projeto, pretende-se assim valorizar ao nível ecológico, funcional e estético a área em questão, melhorando as condições de fruição do espaço e aumentando o respeito ambiental pelo mesmo.

Como local simbólico de convívio, diversão e lazer “adotado” por várias gerações de Pampilhosenses, o objetivo é conferir ao espaço a dignidade que lhe é devida, aliando a modernidade ao enorme valor histórico.

Este é igualmente um projeto que reflete a aposta continuada por parte do Município no turismo de natureza, assente na promoção de caraterísticas como a qualidade do ar, da água ou da imponência paisagística, considerados com os verdadeiros luxos do século XXI. 

O valor base a concurso deste projeto é de 744.000,00€.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link