Economia

Pampilhosa da Serra adjudica empreitada de construção de patamares para vinha em socalcos

Notícias de Coimbra | 3 semanas atrás em 29-05-2024

Na última Reunião de Câmara, realizada no dia 27 de maio, a Câmara Municipal aprovou por unanimidade a adjudicação da empreitada de construção de patamares para vinha em socalcos, junto à localidade de Trinhão, Freguesia de Portela do Fojo-Machio, pelo valor total de 745.000,00€ e um prazo máximo de execução de 18 meses.

PUBLICIDADE

Segundo Jorge Custódio, Presidente da Câmara Municipal, este “não tem sido um processo fácil”, tendo finalmente o executivo “ultrapassado todos os passos e todas as dificuldades”, para que “muito em breve aquelas encostas comecem a ter novos desenvolvimentos”.

Novos desenvolvimentos teve também a OIGP, Operação Integrada de Gestão da Paisagem da Travessa, onde se insere precisamente este projeto da vinha, com a sua recente aprovação para a requalificação dos cerca de 4.000 hectares de AIGP, com um investimento de “mais de 9 milhões de euros já financiados para a transformação daquela área”. Para o autarca este é sempre “um processo difícil”, pois “mexer na floresta” e “consolidar (este projeto) em pouco mais de um ano e meio não será tarefa fácil”, esperando conseguir atingir este objetivo, sempre em trabalho conjunto com a Florestgal, entidade gestora deste projeto.

PUBLICIDADE

Ainda no decorrer da última Reunião de Câmara, o Executivo Municipal aprovou por unanimidade a adjudicação da empreitada de pavimentação da Estrada Municipal entre as localidades de Portela de Unhais e Machialinho, pelo valor de 461.840,02€ e um prazo de execução de 120 dias, uma obra inserida na primeira fase de requalificação da Estrada Municipal de acesso a Dornelas do Zêzere, realizada por administração direta, “unicamente com maquinaria e recursos humanos da Câmara Municipal”. Ainda assim, Jorge Custódio afirma que “o executivo entendeu que deveria adjudicar a pavimentação”, de modo a obter “outra estruturação da estrada”.

Também as Festas do Concelho de Pampilhosa da Serra foram assunto em sede de Reunião de Câmara, com a aprovação das propostas de Normas de Participação e Funcionamento e das Fichas de Inscrição, onde Jorge Custódio, aproveitou para dar a conhecer as datas da XXV Feira de Artesanato e Gastronomia, mantendo a aposta “de realizar sempre as Festas do Concelho durante a semana do dia 15 de agosto, de segunda a sexta-feira”, precisamente para “não colidir com as festas das nossas aldeias que, obviamente, também precisam do seu espaço”, e que, por norma, se realizam durante o fim-de-semana.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

A XXV Feira de Artesanato e Gastronomia de Pampilhosa da Serra será composta por “um programa vasto, com muita variedade musical, mas sobretudo com este ponto de encontro de todos os Pampilhosenses, filhos e amigos”, deixando o repto a todos para “salvarem as datas de 12, 13, 14, 15 e 16 de agosto nos seus calendários” e, desse modo, “festejarmos todos em conjunto o que de melhor a Pampilhosa da Serra tem para oferecer”.

Related Images:

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE