Conecte-se connosco

Coimbra

“Os Quatro e Meia” de regresso à escola para contar como vai ser o concerto em Coimbra (com vídeo)

Publicado

em

“Os quatro e meia” atuam a 25 de junho no Estádio Cidade de Coimbra, num concerto que é considerado o maior desafio da sua carreira. Tiago Nogueira, vocalista e guitarrista da banda, regressou à Escola Secundária D. Dinis, em Coimbra, onde tudo começou, para revelar como vai ser o espetáculo. 

“Foi aqui que as coisas nasceram. Tanto eu como o João Cristóvão, o nosso violinista, estudámos aqui. Foi aqui que fizemos um dos nossos primeiros concertos e durante algum tempo foi o nosso ponto de encontro para fazermos os nossos ensaios. Foi aqui que firmámos o acordo com a nossa agência. Esta escola faz parte da nossa história e temos por ela muito carinho”, disse Tiago Nogueira em entrevista ao Notícias de Coimbra. Sentado numa das mesas da biblioteca, o músico confessou que nem lhe tinha “passado pela cabeça fazer uma banda quanto mais dar um concerto no Estádio”.

“Nunca tínhamos planeado fazer um concerto no Estádio, para nós é uma certa afirmação, mas acima de tudo também um momento de autossatisfação, ficamos muito contentes por poder partilhar um momento tão bonito com as pessoas da nossa cidade, os nossos amigos, as nossas famílias”, afirmou o também médico. 

Quanto ao dia 25 de junho não tem dúvidas. “Vai ser um dia bonito!”. O concerto está marcado para as 21:30, mas a partir das 17:30 as portas do Estádio Cidade de Coimbra estão abertas e música começa logo com as presenças de Tatanka, Cláudia Pascoal e Wilson Honrado. “Quisemos trazer outros músicos, música muito boa, que têm uma riqueza em termos de património musical que queríamos que a cidade conhecesse e também quem vem de fora”.

O concerto está classificado para maiores de três anos e conta com oito stands onde haverá cachorros, sandes de leitão, bebidas e chocolates. “Vai ser um dia ótimo para quem quiser ir em família, com os amigos, vai ser uma tarde de verão, um bocadinho à semelhança dos festivais, um vez que Coimbra não tem nenhum pode ser que fique aqui lançada a primeira pedra para passar a haver”, desafia o músico. 

No espetáculo são esperadas 15 mil pessoas, 30% que vem de fora de Coimbra. “Esta é uma oportunidade para nós e para a cidade”, frisa Tiago Nogueira. 

No que respeita ao concerto propriamente dito, o músico revela que a banda “teve de adaptar o registo ao espaço” e que serão apresentadas duas músicas que ainda estão nos segredos dos deuses. Por outro lado, há canções que “já não aparecem há algum tempo e vão surgir” com uma nova roupagem. Ao palco vão subir também alguns convidados surpresa. “Não será um concerto normal, será um dia muito especial”, garante. 

Apesar do calor que se espera, “Os Quatro e Meia” vão estar de fato, mantendo a sua imagem de marca. “Não vamos de chuteiras para o palco. Ainda pensámos nisso, mas não fazia sentido desfazer a nossa imagem”, contou ao NDC. 

Os bilhetes estão à venda nos locais habituais e têm desaparecido a bom ritmo. Custam entre os 18 e os 30 euros e há packs para quem quiser ficar alojado em Coimbra. “Se quiserem ficar no relvado, não deixem para a semana que vem, por favor, pois poderá já não ser possível adquirir bilhetes”, avisa Tiago Nogueira. 

Depois do sucesso dos dois primeiros álbuns, “Pontos nos is” (2017) e “O Tempo vai Esperar” (2020), a banda está a preparar o terceiro trabalho. “Gostávamos de lançar ainda este ano, mas não nos queremos comprometer com datas”, adianta. Certo é que os concertos não vão parar este ano e no final do espetáculo em Coimbra serão anunciados “outros locais com grandeza semelhante”. 

A banda “Quatro e Meia” foi criada em 2013, em Coimbra e desde então pelo som de guitarra, contrabaixo, violino, acordeão, bandolim e percussão, tem procurado agregar “o mais variado manancial de música portuguesa de qualidade”, desde o pop-rock ao fado. 

Veja o direto NDC com Tiago Nogueira, vocalista e guitarrista dos Quatro e Meia:

 

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade