Conecte-se connosco

Região

Oliveira do Hospital requalifica piscinas e campos de ténis

Publicado

em

 

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, José Francisco Rolo, e o secretário de Estado da Administração Local e Ordenamento do Território, Carlos Miguel, formalizaram, ontem à tarde, o contrato-programa que vai permitir a reabilitação do Complexo Municipal das Piscinas e Campos de Ténis, num investimento total na ordem dos 445 mil euros. 

O acordo, que com o Município de Oliveira do Hospital e o Governo envolve no procedimento a DGAL – Direção-Geral das Autarquia Locais e a CCDRC – Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, representa um investimento financiado em 266 mil Euros, sendo assumidos pela autarquia 180 mil euros, cujas verbas serão integradas no orçamento para o ano de 2023. 

No momento da assinatura do contrato-programa, no Salão Nobre da Câmara Municipal, José Francisco Rolo salientou que esta reabilitação “vai melhorar o espaço ao nível da eficiência energética e os níveis de fruição e de conforto” das instalações. 

Para o presidente da Câmara Municipal este é mais “um investimento no bem-estar e na qualidade de vida” dos Oliveirenses. Um investimento num “importante espaço, que é de todos e para ser usufruído por todos”, situado na porta de entrada da cidade, juntamente com “outros espaços de elevada importância” para a cidade e para o concelho, como o Centro de Saúde, o Agrupamento de Escolas, o parque verde dos Marmelos e o futuro Campus Educativo.  

Sobre a intervenção a realizar, José Francisco Rolo salientou a necessidade da reabilitação daquele equipamento municipal, que se deve não só a questões de manutenção, “exigentes e permanentes”, como em questão está a continuidade do usufruto de um espaço que também é “exigente a nível de consumos energéticos”.  

O Secretário de Estado da Administração Local e Ordenamento do Território, Carlos Miguel, garantiu que a verba de 218 mil euros assegurada pelo Governo para a reabilitação chega a Oliveira do Hospital “até ao final do ano”, assumindo este compromisso como estando na hora de “discutir as prioridades do território”, no âmbito do Portugal 2030, por forma a que no segundo trimestre de 2023 “já estejam avisos na rua”. 

Carlos Miguel aproveitou a assinatura para parabenizar a decisão do Município de Oliveira do Hospital de avançar para a reabilitação e requalificação Complexo Municipal das Piscinas e Campos de Ténis, em detrimento da decisão da construção de um novo espaço, de raiz. 

Segundo o governante, esta é uma aposta baseada na sustentabilidade, num tempo em que “é mais importante a visão de recuperar e de reabilitar, em vez de fazer de novo. Uma vez que manter edificados os edifício, é aumentar a atratividade dos equipamentos e aumentar a atratividade do território. É manter a memória coletiva do povo desta terra”.

O Complexo Municipal de Piscinas e Campos de Ténis de Oliveira do Hospital foi inaugurado em 1991, apenas com o espaço da piscina exterior, os campos de ténis e o espaço envolvente e um bar. Em 1994 foi inaugurado o espaço infantil, com um tanque para crianças, e o espaço da piscina interior, aquecida.

É usado por milhares de utilizadores ao longo do ano e tem ao momento mais de uma dezena de protocolos estabelecidos com entidades do concelho, entre escolas, clubes, instituições e associações para a sua utilização permanente e continua. 

Os investimentos e a atenção dada pela autarquia ao Complexo Municipal das Piscinas e Campos tem sido uma constante ao longo dos anos. Ao nível da manutenção, os campos de ténis foram recentemente reforçados com um novo sistema de iluminação de tecnologia LED, mais moderno e eficiente, numa intervenção executada pela Câmara Municipal e que representou um investimento total de 13.514,39 euros.

A promoção dos equipamentos para a prática desportiva tem sido outra postura assumida, com atividades e iniciativas em desenvolvimento, como o novo Programa Municipal de Iniciação ao Meio Aquático, implementado pela Câmara Municipal, que arrancou esta semana e que chega a mais de 240 crianças do Pré-Escolar dos estabelecimentos escolares da rede pública do concelho.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com