Conecte-se connosco

Coimbra

O maior Sunset de sempre… até ao próximo!

Publicado

em

 Um espetáculo de dois dias, hoje apresentado, que reúne alguns dos melhores dj da atualidade, ambiciona levar 65.00 pessoas à praia da Figueira da Foz, a 11 e 12 de julho.

A 3.ª edição do “RFM/SOMNII – O maior Sunset de sempre”, segunda na Figueira da Foz, vai realizar-se num recinto com cerca de 15.000 metros quadrados, a instalar no maior areal do país, entre a praia do Relógio e o molhe norte do porto comercial.

O dj sueco Alesso, que atuará a um sábado, 12 de julho, os holandeses Sick Individuals e o português Pete Tha Zouk foram os três primeiros nomes hoje avançados pela organização, para um cartaz que só estará fechado em abril e que incluirá “à volta de 10 dj”, disse à agência Lusa Luís Salgueiro, da Genius y Meios, empresa do grupo Renascença, promotora do Sunset.

“Voltamos à Figueira porque o ano passado fomos muito bem recebidos”, afirmou o promotor durante a apresentação do evento, hoje realizada na autarquia da Figueira da Foz, aludindo à edição de 2013, que reuniu, durante um dia, cerca de 25.000 espetadores no areal da praia.

No total, a edição do Sunset 2014 propõe cerca de 18 horas de música (nove horas por dia, entre as 15:00 e as 24:00), realizando-se sexta-feira e sábado “para não coincidir com a final do campeonato do mundo de futebol”, agendada para 13 de julho, domingo, indicou Luís Salgueiro.

O espaço do recinto foi aumentado em cinco mil metros quadrados, maioritariamente por questões logísticas, para permitir “um reforço de restaurantes e bares, em número e variedade”, disse, por seu turno, António Mendes, diretor de programação da RFM.

Já Pedro Machado, presidente do Turismo Centro de Portugal, destacou a captação de novos públicos, a “fortíssima capacidade de atração” e o efeito de “notoriedade” que o “RFM/SOMNII” dá à região, para justificar o apoio da entidade regional de turismo.

“Será seguramente o maior evento do verão”, afirmou o presidente da Câmara Municipal da Figueira da Foz, João Ataíde, argumentando que a edição do ano passado “ficou na memória” das pessoas.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link