Conecte-se connosco

Região

Nuno Moita promete continuar a defender e a lutar pela extensão do sistema metrobus a Condeixa (com vídeos)

Publicado

em

Decorreu hoje a cerimónia de tomada de posse dos órgãos municipais de Condeixa-a-Nova para o quadriénio 2021-2025, no Átrio da Câmara Municipal. O socialista Nuno Moita foi reeleito para o terceiro e último mandado, no passado dia 26 de setembro e tomou posse, esta manhã, numa cerimónia que contou com a presença do ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, na qualidade de dirigente do PS.

No início do seu discurso, Nuno Moita, começou por dizer que neste que será seu último mandato como presidente da Câmara Municipal de Condeixa-a-Nova, “não poderia deixar de estar de coração na mão, pleno de emoção. Foram oito anos de muito trabalho, com coisas muito boas, com coisas muito más, como foi a terrível pandemia que ceifou a vida a muitos condeixenses, mas com a consciência plena de dever cumprido e de ter feito o melhor pelo concelho”.

O autarca salientou que “a pandemia deixa uma boa lição de como o trabalho cooperativo produz resultados eficazes, sublinhando o papel do Poder Local democrático na resolução dos problemas do País” referindo que é hora de meter o pé no acelerador, de recuperar o tempo perdido e impulsionar o progresso, com particular atenção nas questões da sustentabilidade económica e ambiental”.

Nuno Moita promete “investimentos na modernização e na inovação e avançar na transição digital e energética. É preciso preparar Condeixa para o futuro e continuar na senda da modernidade e do progresso. Os investimentos na sustentabilidade, em particular a sustentabilidade ambiental terão uma atenção muito especial no plano de ação para os próximos 4 anos”.

O autarca reforçou que no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) e do novo quadro comunitário, continuará “a defender e a lutar pela extensão do sistema metrobus a Condeixa, enquanto objetivo estratégico e decisivo para o concelho e para região, e como marca do início de uma mudança de paradigma, na forma como deve ser encarada a centralidade da cidade de Coimbra no todo da região”.

“A região tem capacidade e oportunidade para fazer aqui nascer de raiz uma área metropolitana de perfil inovador, assente na mobilidade inteligente e na sustentabilidade, na coesão social e territorial, detentora de conhecimento, cultura, inovação e catalisadora de investimento”, reforçou.

Ainda no plano das acessibilidades, Nuno Moita promete “continuar a pressionar para que se avance, em definitivo, com as obras de requalificação da EN1/IC2 para acabar com os problemas de fluidez de tráfego e de segurança rodoviária em Condeixa, nomeadamente com a prossecução da 2ª fase do protocolo existente com as Infraestruturas de Portugal, o qual prevê a criação de um viaduto de ligação entre os dois lados do concelho”.

A aposta é “continuar a ser a escolha de eleição dos jovens casais, assegurando as condições necessárias para uma vida de qualidade, de acordo com os mais exigentes padrões da atualidade”.

Nuno Moita aproveitou a ocasião para reforçar o objetivo de “dinamizar a rede de incubadoras e espaços de coworking, com o início da obra de reabilitação da antiga fábrica de cerâmica. Ali vai nascer um centro de desenvolvimento cerâmico e “hub” de indústrias criativas, ligando a tradição à inovação”.

“Outro dos projetos relevantes é o da conclusão do alargamento da Zona Industrial para assim fazer face ao aumento da procura de empresas para se instalarem no nosso concelho, concluiu o socialista.

O presidente reeleito aproveitou, ainda, para reforçar que vai continuar “a lutar por mais financiamento para as obras em Conímbriga, nomeadamente para o alargamento do complexo arqueológico”, realçando que “no âmbito do PRR seja possível, finalmente, avançar com as obras substanciais neste equipamento que, não sendo tutelado por nós, é central na estratégia de desenvolvimento turístico e cultural” do concelho.

O autarca concluiu que “o trabalho que foi feito em prol da classificação de Conímbriga como património Mundial da Unesco, agora que a candidatura foi apresentada, no sentido de garantir a sua aceitação para integrar a lista indicativa que Portugal apresenta à UNESCO”, exortando “todas as entidades da cultura e do turismo, para de facto pensarem regionalmente, e terem a capacidade de lutarem por este desiderato que não é só de Condeixa, nem dos condeixenses, mas de toda a Região e até do País”.

Durante a cerimónia os eleitos para a Assembleia Municipal de Condeixa-a-Nova, para as freguesias e para a Câmara Municipal realizaram o seu juramento de lealdade.

Nuno Moita (PS) foi então reeleito pela terceira vez, e volta a assumir o cargo de presidente da Câmara Municipal, e os vereadores Nuno Claro (PSD), António Ferreira (PS), Silvino Capitão (PSD), Ana Manaia (PS), Carlos Canais (PS) e Susana Devesa (PSD).

Para a Assembleia Municipal foram eleitos António Figueiredo (PS) para o cargo de presidente, Maria Alice Silvério (PSD),João Viais (PS), Diana dos Santos (PSD), Albano Leandro (PS), Nuno Gaspar (PSD), Luís Caridade (PS), Miguel Pessoa (CDU), Fernando Cardoso (PSD),Eduardo Alcouce (CHEGA),Jorge Gonçalves (PS),Gisela Almeida (BE), Sílvia Teixeira (PSD), Diogo Gomes (PS), Laurinda Pereira (PS), José Rebelo (PSD), Tiago Picão (PS), João Brito (PSD), Nelson Simões (PS),Helena Diogo (PS) e Marília Torres (PS).

Para a Junta de Freguesia de Anobra foi João Lameiro (PS) quem reuniu mais votos, para a Junta de Freguesia de Ega foi Rodolfo Silva (PS), para a Junta de Freguesia de Furadouro foi Carla Gaspar (PS), para a Junta de Freguesia de Zambujal foi Vítor Teixeira (PS), para a União de Freguesias de Sebal e Belide foi Raúl Oliveira (PS), para a União das Freguesias de Condeixa-a-Velha e Condeixa-a-Nova foi Paulo Simões (PS) e para a União das Freguesias de Vila Seca e Bendafé foi Jorge Almeida (PS).

Veja o vídeo do Direto NDC com o presidente da Câmara Municipal de Condeixa-a-Nova, Nuno Moita:

Veja o vídeo do Direto NDC da tomada de posse dos órgãos municipais de Condeixa-a-Nova:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link