Política

Nuno Melo diz que CDS não é “parceiro menor” da AD

Notícias de Coimbra | 1 mês atrás em 20-04-2024

O presidente do CDS-PP, Nuno Melo, afirmou hoje que os centristas não são “parceiros menores” da coligação Aliança Democrática (AD) e disse querer chamar os jovens para o partido, que salientou ser moderno.

PUBLICIDADE

“Nunca se sintam parceiros menores desta coligação, porque não somos, somos aliados”, afirmou na sua primeira intervenção perante o 31.º Congresso do CDS-PP, que decorre entre hoje e domingo em Viseu.

Nuno Melo, que é recandidato à liderança do partido, apresentou a moção de estratégia global que apresentou a esta reunião magna.

PUBLICIDADE

Na sua intervenção, durante a qual foi aplaudido várias vezes de pé, Nuno Melo afirmou que o CDS-PP juntou “votos e mandatos” à AD e defendeu que o partido aporta também a sua singularidade.

No futuro, o líder quer que o CDS-PP abrace “novas causas incontornáveis do século XXI” e indicou que vai modernizar a comunicação e a linguagem por forma a “atrair mais jovens”.

PUBLICIDADE

“O CDS não é um partido antigo, é um partido moderno que tem respostas para os problemas que sentem”, defendeu.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE