Conecte-se connosco

Lazer

Nova série “Star Wars: Skeleton Crew” com Jude Law

Publicado

em

A Disney revelou hoje que está a produzir uma nova série no universo da Guerra das Estrelas, “Star Wars: Skeleton Crew”, que tem o ator Jude Law como protagonista e será lançada em 2023. 

“É a história de um grupo de miúdos de 10 anos de um pequeno planeta que se perdem na galáxia e a sua jornada de volta a casa”, disse o realizador Jon Watts, durante o painel inaugural do evento Star Wars Celebration, que decorre em Anaheim, Califórnia, até 29 de maio. “Não é uma série para crianças”, frisou.

A ação vai decorrer depois dos eventos retratados no Episódio VI, “O Regresso de Jedi”, revelou o argumentista Chris Ford, e as filmagens vão começar em breve.

A nova série foi uma das novidades anunciadas pela Disney e pela Lucasfilm no arranque da grande convenção dedicada ao universo Star Wars, depois de dois anos de paragem por causa da pandemia de covid-19. 

Foi também anunciado que a série “Andor”, centrada no personagem interpretado por Diego Luna em “Rogue One”, Cassian Andor, vai estrear-se a 31 de agosto.

“Quando eu estava a fazer o filme não sabia que isto ia acontecer, nem sequer que seria possível”, disse o ator Diego Luna, que subiu ao palco para falar da nova série que protagoniza. 

“Adoro o que ele representa”, afirmou. “É sobre o que podemos fazer, o poder que temos”, continuou, gracejando que “a beleza desta série é que não há nenhuma hipótese de matarem o meu personagem”. 

O criador Tony Gilroy revelou que a primeira temporada terá 12 episódios e recua cinco anos em relação à ação de “Rogue One”. Haverá uma segunda temporada de mais 12 episódios, que começam a ser filmados em novembro. 

Também haverá uma terceira temporada de “O Mandaloriano” que já está em pós-produção e vai estrear-se em 2023, segundo revelou Jon Favreau. 

O evento abriu com a presença dos atores Ewan McGregor e Hayden Christensen em palco, o que motivou uma enorme ovação dos fãs em antecipação à estreia da muito aguardada nova série “Obi-Wan Kenobi”, que se estreia a 27 de maio no Disney+. 

“Estamos de volta”, anunciou Hayden Christensen, ao lado de McGregor, 17 anos depois do último filme da trilogia de prequelas em que ambos contracenaram. 

“Tem sido incrível voltar para a ‘Guerra das Estrelas’ e estar com todos vocês”, sublinhou o ator, que volta a encarnar o temido Darth Vader. 

Também Ewan McGregor, que interpreta o cavaleiro Jedi Obi-Wan Kenobi, sublinhou o quão especial foi voltar a fazer este papel, principalmente porque a trilogia não foi tão bem aceite pela crítica quando saiu, entre 1999 e 2005. 

Numa sessão que durou cerca de hora e meia, os fãs que conseguiram acesso ao “Celebration Stage”, no Centro de Convenções de Anaheim, também foram surpreendidos pela presença de Harrison Ford, o ator que encarnou Han Solo na saga Star Wars. 

Ford surgiu depois de o compositor John Williams, que está a celebrar o 90.º aniversário, ter conduzido uma orquestra que tocou o tema de “Indiana Jones”. O próximo filme do aventureiro, disse Ford, vai para os cinemas em junho de 2023. 

A orquestra também tocou o tema de Darth Vader e a música principal de Star Wars, com a presidente da Lucasfilm, Kathleen Kennedy, a sublinhar a importância das bandas sonoras de John Williams para os filmes e personagens do estúdio. 

A convenção Star Wars Celebration reúne milhares de fãs do universo Guerra das Estrelas e este ano terá uma instalação especial chamada “The Mandalorian Experience”, com artefactos do cenário da série.

Continuar a ler
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
close-link
close-link