Mundo

Nova réplica sísmica de magnitude 6,6 sacode o sul das Filipinas

Notícias de Coimbra com Lusa | 6 meses atrás em 03-12-2023

 Uma nova réplica, de magnitude 6,6, do sismo registado no sábado nas Filipinas atingiu hoje o sul do país, anunciou o Instituto Geofísico dos Estados Unidos (USGS).

PUBLICIDADE

O tremor de terra foi registado às 18:36 locais (10:36 GMT) a nordeste de Bislig, em Mindanau, sem que as autoridades relatassem danos ou ativassem um alerta de tsunami.

O USGS, que acompanha a atividade sísmica em todo o mundo, localizou o hipocentro 56 quilómetros abaixo do fundo do mar e cerca de 43,4 quilómetros a leste da cidade de Hinatuan, na ilha de Mindanau, onde vivem cerca de 40.000 pessoas.

PUBLICIDADE

A zona deste último sismo é perto do local onde se registou no sábado à noite um terramoto de magnitude 7,6, que levou as autoridades a ativar um alerta de tsunami para as costas das províncias de Surigao del Sur e Davao Oriental, no leste de Mindanau.

O Departamento de Sismologia das Filipinas (Phivolcs) levantou o alerta de tsunami cerca de quatro horas mais tarde, depois de registar uma subida das ondas de até 64 centímetros acima do nível normal da maré.

PUBLICIDADE

publicidade

PUBLICIDADE

publicidade

Desde o forte abalo de sábado à noite, registaram-se mais de 500 réplicas e sismos de menor dimensão.

O terramoto de magnitude 7,6 fez pelo menos dois mortos e causou alguns danos materiais.

As Filipinas situam-se no chamado Anel de Fogo do Pacífico, uma zona de grande atividade sísmica e vulcânica onde se registam anualmente cerca de 7.000 sismos, a maioria dos quais moderados.

Related Images:

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE